ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SÁBADO  08    CAMPO GRANDE 21º

Cidades

Em pesquisa, 48,5% da população acredita que presos são bem tratados no Brasil

Levantamento foi feito em 194 municípios brasileiros; do grupo, opinião é seguida pela maioria dos homens, 51%

Por Silvia Frias | 17/02/2021 07:27
Presídio de Segurança Máxima em Campo Grande (Foto/Arquivo)
Presídio de Segurança Máxima em Campo Grande (Foto/Arquivo)

Pesquisa realizada com 2026 pessoas em todo o País aponta que a maioria, 48,5%, acredita que os presos são bem tratados nos estabelecimentos penais. Do total, 39% têm opinião contrária e 12,4% não souberam ou não opinaram.

O levantamento foi feito pelo instituto Paraná Pesquisas, por telefone, de 8 a 12 de fevereiro em 194 municípios brasileiros dos 26 estados e do Distrito Federal. O público pesquisado está na faixa etária acima dos 16 anos.

Conforme a pesquisa, se for considerado o gênero, 51% dos homens compartilham opinião de que os presos são bem tratados dentro dos estabelecimentos penais e 36,4% acreditam que não. Entre as mulheres, 46% responderam sim ao questionamento e 41,6% não.

O maior índice dos que acreditam que os presos são bem tratados está na faixa etária dos 45 a 59 anos (51,7%), seguido de perto do grupo de 35 a 44 anos (51,2%).

Em Mato Grosso do Sul, conforme dados da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), há 19.706 presos, entre provisórios e condenados nos presídios, conforme dados divulgados até dezembro de 2020. A capacidade das unidades é de 9.995 internos. Somente em Campo Grande, são 6.652 internos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário