ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 25º

Cidades

Novas doses chegam, mas MS ainda não definiu retomada da vacinação

Há pessoas de grupos prioritários que não receberam a primeira dose do imunizante contra a covid-19

Por Tainá Jara | 24/02/2021 18:18
Doses da Astrazeneca/Oxford desembarcaram nesta tarde no Aeroporto Internacional de Campo Grande (Foto: Paulo Francis)
Doses da Astrazeneca/Oxford desembarcaram nesta tarde no Aeroporto Internacional de Campo Grande (Foto: Paulo Francis)

Campo Grande ainda está sem calendário vacinal definido para aplicar as novas doses da vacina contra a covid-19. Mesmo com a chegada de 35.700 imunizantes, no final da tarde desta quarta-feira, a Saúde ainda não sabe como será a distribuição da remessa entre os 79 municípios de Mato Grosso do Sul.

A nova carga representa um complemento de 16,2 % as 222.711 doses que já foram enviadas ao Estado. De acordo com o Vacinômetro, da SES (Secretaria de Estado de Saúde), ainda há pessoas do grupo prioritário que ainda não tomaram a primeira dose, embora ainda tenha estoque.

Dos 133.269 imunizantes destinados para primeira aplicação no grupo prioritário, 108.313 (68,11%) foram aplicados. Para segunda aplicação, foram reservadas 89.442 doses, sendo que apenas 41.782 foram utilizadas.

Campo Grande recebeu, desde o início da vacinação, no dia 18 de janeiro, 76.124 doses. Para primeira aplicação foram reservadas 34.342 das quais 21.624 foram aplicadas. O índice de paciente que receberam a segunda dose ainda é baixo. Das 16.993 doses, 9.067 foram aplicadas.

Na Capital, o calendário vacinal foi interrompido há duas semanas com a vacinação de idosos de 79 anos em diante.

Quintas remssa da vacina veio em voo da Azul (Foto: Paulo Francis)
Quintas remssa da vacina veio em voo da Azul (Foto: Paulo Francis)

Da nova remessa, a maior parte das vacinas são fabricadas pelo laboratório Astrazeneca/Oxford, sendo 22.500 doses referente ao quantitativo de 2 milhões de doses que chegaram ao país na última terça-feira (23).

As outras 13.200 são do imunizante CoronaVac, referente a 1,2 milhão de doses disponibilizadas pelo Instituto Butantan ao Governo Federal, devem chegar por volta das 23h, na Capital.

O Ministério da Saúde prevê o envio de mais de meio milhão de doses de vacinas contra a covid-19 para Mato Grosso do Sul até o final de março.

A meta é vacinar 159.021 pessoas nessa primeira fase da vacinação.

Trabalhadores de saúde, pessoas idosas residentes em instituições de longa permanência; pessoas a partir de 18 anos de idade com deficiência, de residências inclusivas (institucionalizadas); e população indígena aldeada, estão entre os contemplados na primeira fase.


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário