A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

29/01/2018 14:11

Amantes da lua poderão admirá-la em tamanho maior na quarta-feira

Mês começou e vai terminar com o espetáculo no céu; fenômeno poderá ser observado de MS e restante do mundo

Anahi Zurutuza
Superlua em Campo Grande (Foto: Saul Schramm) Superlua em Campo Grande (Foto: Saul Schramm)

Dois fenômenos vão atrair os olhos dos amantes da lua para o céu nesta quarta-feira (31). Um eclipse lunar e a chamada superlua vão pintar o céu de Campo Grande e outras cidades do mundo.

Conforme apurou o Estadão com o IAC (Instituto de Astrofísica das Ilhas Canárias), a coincidência, chamada pela imprensa americana de lua azul, não acontece desde 1982.

O acadêmico de física e integrante do Clube de Astronomia da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Rafael Pereira, explica que a superlua acontece quando a mesma se aproxima da órbita terrestre. “Não é incomum, ela aparenta ser um pouquinho maior. Quem tem o costume de observar, deve notar”.

Já o eclipse, segundo ele, é diferente dos solares. “Parece mais uma penumbra, uma sombra na lua. Ela não vai ficar totalmente encoberta”.

De novo - O mês começou e vai acabar com a superlua. A primeira noite de 2018 teve o “espetáculo” no céu, que faz parte de uma trilogia. A primeira foi em 3 de dezembro do ano passado, a segunda no dia 1º e a terceira neste dia 31.

Superlua registrada por leitores do Campo Grande News em 2016 (Foto: Valmir Rezende/Direto das Ruas)Superlua registrada por leitores do Campo Grande News em 2016 (Foto: Valmir Rezende/Direto das Ruas)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions