A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

09/12/2009 13:01

Após 7 anos, atropelada por ônibus vai receber R$ 18 mil

Redação

A professora Lucineide Pereira Moreira esperou sete anos para receber a indenização por um acidente de trânsito ocorrido há sete anos, em dezembro de 2002. Ela foi atropelada por um ônibus da Viação São Francisco quando conduzia uma motocicleta do lado direito da Avenida Presidente Vargas, na Capital, e foi atingida pelo coletivo que fazia uma conversão à esquerda.

A professora ingressou com ação de indenização contra a empresa e a seguradora em 2004. Em 19 de novembro do ano passado, o juiz da 4ª Vara Cível, Luiz Gonzaga Mendes Marques, condenou a seguradora a pagar indenização de R$ 10 mil por danos morais e R$ 2 mil por danos materiais (a motocicleta).

Graças a Semana da Conciliação, realizada pelo TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), o acordo foi fechado na manhã de hoje. Após cinco anos de espera, em 15 minutos, a professora obteve a decisão favorável contra a Viação São Francisco.

O desembargador Vladimir Abreu da Silva intermediou o acordo. A empresa tem 15 dias para efetuar o pagamento de R$ 18 mil à vítima, sendo R$ 12 mil por danos morais e R$ 6 mil por danos materiais, e mais R$ 2 mil de honorários advocatícios.

"Não precisamos de mais que 15 minutos para solucionar uma ação que estava na justiça há cinco anos. A seguradora assumiu a responsabilidade e tudo foi acertado. Vejo o acordo como muito positivo porque estamos disseminando a cultura conciliatória", disse ele.

A Semana da Conciliação está sendo realizada em todo o país, e no judiciário sul-mato-grossense começou no dia 3 e se estende até esta sexta-feira, dia 11 de dezembro.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions