A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

07/08/2013 17:15

Após esperar por terra há oito anos, sem-terra morre atropelado na BR-163

Bruno Chaves

Severino Rodrigues da Silva, 75 anos, morreu na tarde desta quarta-feira (7) na rodovia BR-163 após ser atropelado por uma caminhonete. Segundo informações da CUT (Central Única dos Trabalhadores), o idoso era sem-terra e esperava há oito anos ser incluído no programa de reforma agrária.

Informações da PRF (Polícia Rodoviária Federal) apontam que o acidente aconteceu próximo a Anhanduí – distrito de Campo Grande.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, mas ao chegar ao local, não pode fazer nada, já que o sem-terra estava morto. A perícia foi chamada e o corpo deve ser encaminhado ao IMOL (Instituto Médico e Odontológico Legal) de Campo Grande.

De acordo com do responsável pelos assentamentos e acampamentos da CUT (Central Única dos Trabalhadores), Francisco Militão, Severino permanecia ao Acampamento Sucuri, que fica na saída de Campo Grande para Sidrolândia.

“Ele recém tinha se mudado para o novo acampamento”, afirmou.



Olha senhor Juraci Montanha,bem dito ele realmente vai ter o seu pedaço de terra,não o pretendido mas sim o que lhe foi reservado por DEUS.Infinita fatalidade que aconteceu,mas saiba que sim a idade ja não era a melhor fase da vida,na verdade já estava bastante cansado,mas quem disse que ele não podia sonhar!!Talves se ele estivesse sentado na poltrona em uma casa na cidade,ou talvez na fila do SUS,em uma cidade nao teria morrido!ne
 
grazielly Oliveira em 08/08/2013 16:16:04
É senhoras e senhores petistas, cadê a reforma agrária que foi tão apregoada nos seus tempos de oposição?
 
Kaio Gleizer em 08/08/2013 09:08:33
É ridícula a situação no nosso país, como pode haver uma classe que vive em função de pedir terra? Ninguem trabalha, ninguém almeja uma profissão, ninguém produz nada e ainda querem ganhar terra de mão beijada, só num país chinfrim, como é o nosso, para que exista uma classe de pessoas tão acomodada a ponto de preferir tomar o que é dos outros, nem que isso leve uma vida, há trabalhar e conquistar seus bens, direitos e sua dignidade, parabéns Brasil, não vamos nunca deixar de ser um país peba de 3º mundo mesmo!!!
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 08/08/2013 08:39:26
75 anos esperando terra para trabalhar, mas como ???? agora terá a terra que de fato lhe é de direito.
 
juraci montanha em 08/08/2013 08:28:29
Não era o governo do PT que iria fazer a reforma agrária???
 
Ernesto Rosenbaum em 07/08/2013 17:51:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions