A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

22/06/2009 11:11

Após prender "Chupa-cabras", Gaeco busca chefe de bando

Redação

Para a Polícia, apesar de estar entre os nomes mais procurados da fronteira nos últimos anos, Jesiel Penha, conhecido como chupa-cabras, não é o chefe da quadrilha de roubo de veículos, tráfico de drogas e assassinatos contratados na região de fronteira de Mato Grosso do Sul.

Depois de dois meses de investigação, ele foi preso no sábado pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira), quando tentava mudar a cor do cabelo em um salão de beleza em Coronel Sapucaia. Na avaliação da Polícia, ele é só um "capataz" do grupo, mas de importância na organização.

O dono do salão de beleza onde Jesiel foi preso, Fábio da Silva Vieira, o "Bill" de 28 anos, que já responde processo na Justiça sob acusação de receptação. Ele também deve ser processado por "favorecimento real", por estar encobertando o procurado.

A quadrilha atua na região de Coronel Sapucaia, Paranhos e Sete Quedas. "O grupo atraia caminhoneiros de várias regiões do país, principalmente do estado do Paraná com pretexto de realizar fretes e ao chegarem na fronteira, sem conhecerem a localidade, eram atraídos para o território paraguaio onde tinham os veículos roubados por bandos armados", detalha o Ministério Público.

Uma das ações atribuídas ao bando ocorreu no início do ano passado. A Polícia conseguiu interceptar uma carreta momentos antes ultrapassar a fronteira, rumo ao Paraguai. No dia, um homem foi preso quando dirigia moto responsável pela escolta da vítima até o ponto onde seria anunciado o assalto.

Também em 2008, na véspera das eleições municipais, Jesiel é acusado de desrespeitar uma barreira de fiscalização da Justiça Eleitoral. Houve troca de tiros e ele ficou ferido, mas conseguiu fugir para o Paraguai.

"Chupa-cabras" é considerado "uma lenda" do crime na região, e tinha 2 mandados de prisão em aberto, em Amambai, um por tentativa de homicídio e outro por tráfico de drogas, por isso ficará preso e temporariamente isolado dos demais detentos, no Presídio de Segurança Mínima do município. (Informação da Gazeta News)

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions