A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

16/03/2009 08:37

Atravessar Ernesto Geisel vira aventura para estudantes

Redação

Moradores das proximidades da avenida Ernesto Geisel reclamam da dificuldade de atravessar a avenida Ernesto Geisel para levar os filhos à escola. Na área próxima ao Parque Ecológico Anhanduí, não há semáforo nem lombada eletrônica, e os moradores anunciam o risco de um acidente.

A faixa de pedestres desenhada na pista está quase apagada, e os motoristas que passam pelo local não respeitam a travessia de ciclistas e pedestres. Nesta manhã foi possível constatar que para atravessar a via, são necessários quase 10 minutos.

Pelo local, passam crianças que moram no bairro Guanandy e estudam na Escola Municipal Professora Marina Couto Fortes. Pela manhã e à tarde, exatamente nos horários de pico, elas costumam cruzam a avenida disputando espaço com os veículos trafegam a 100 km/h, apesar da velocidade permitida ser de apenas 60 km/h.

A auxiliar administrativa Aparecida Amaral, de 37 anos, conta que fica com o coração apertado todos os dias quando o filho de 10 anos sai para ir à escola de bicicleta. "

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions