A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

25/08/2011 19:46

Bombeiros alertam para risco de afogamentos no feriado prolongado

Vinícius Squinelo

O Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul alerta a população para o risco de afogamento neste feriado prolongado. “Neste período as pessoas tem o costume de procurar rios e lagos para aliviarem o calor, mas é preciso ter muita atenção, pois, é nesta época que aumenta o indicie de afogamento”, comenta o integrante do Comando Geral do Corpo de Bombeiros, major João Sidnei Penrabel.

Os casos de afogamento normalmente acontecem em rios no interior do Estado, e os locais considerados mais perigosos para os banhistas são: o rio Taquari, na região de Coxim, o rio Aquidauana e o rio Paraguai, principalmente na região de Corumbá.

Dicas de segurança-Para evitar afogamentos a corporação dá algumas dicas. Para se divertir em piscinas sem grandes preocupações a dica dos Bombeiros é que as pessoas utilizem apenas clubes com o certificado de vistoria e em dia. A certificação tem validade de um ano. Outro cuidado a ser observado é a presença de pelo menos dois salva-vidas a cada 500 m² de água - exigência prevista na legislação. "É desaconselhável nadar sozinho porque pode acontecer alguma cãibra ou cansaço que provoque perda de força e, conseqüentemente, o afogamento", disse o major.

Em rios, a atenção deve redobrar já que o risco é maior por causa da força da correnteza e também pela profundidade. A dica é que crianças fiquem em locais rasos e acompanhados de responsáveis maiores de idade e que saibam nadar. Os pequenos devem estar equipados com bóias ou flutuadores que garantam ainda mais a segurança. Também é importante não sair das margens do rio, onde é mais seguro.

Brincadeiras como “caldos”, “trotes” ou “saltos” devem ser evitadas porque a profundidade de um rio ou de uma piscina pode ser pequena e saltos podem machucar ou contribuir para um possível afogamento.

Outro fator que ajuda aumentar os números de afogamentos é a bebida alcoólica. “As pessoas devem ter responsabilidade, porque rios e piscinas são muito perigosos e por isso a pessoa tem que estar em plena consciência de seus atos, para que uma diversão não se torne uma tragédia” finaliza o major.

Temer veta projeto sobre negociação coletiva no serviço público
O presidente Michel Temer vetou integralmente o Projeto de Lei nº 3.831/15, aprovado pelo Congresso Nacional, que estabelecia normas para a negociaçã...
UFMS divulga edital do vestibular para ingresso em cursos de graduação
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta segunda-feira (18), edital do processo seletivo do vestibular para ingresso em cu...
Aplicativo enviará à CGU denúncias de agressão e discriminação a pessoas LGBTI+
O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União recebe, a partir de hoje (18), denúncias feitas pelo aplicativo TODXS, relativas à discr...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions