A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

28/05/2018 11:55

A 5 dias do fim da campanha, procura por vacina contra a gripe é baixa

A campanha na Capital começou no dia 24 de abril e vai até o dia 1º de junho. Segundo a Sesau, 145.487 pessoas foram imunizadas

Geisy Garnes e Bruna Kaspary
Em Campo Grande, 74,58% do público alvo já foi vacinado (Foto: Saul Schramm)Em Campo Grande, 74,58% do público alvo já foi vacinado (Foto: Saul Schramm)

Faltando apenas cinco dias para o fim da campanha contra a gripe, a procura pela vacina em Campo Grande é cada vez menor. Segundo a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública), até o dia 24 deste mês, 74,58% do público alvo - cerca de 145.487 pessoas - foi imunizado na Capital.

Ao contrário das filas quilométricas que se formaram em postos de saúde e também clínicas particulares no início da campanha, o cenário encontraram na última semana de vacinação é de tranquilidade.

Na UBS (Unidade Básica de Saúde) do Coronel Antonino, o movimento já é fraco e a procura por vacina fica a cargo do calendário infantil. “O movimento está fraco e deve continuar assim essa semana. A procura dos adultos também não são mais pela vacina da gripe”, contou Celio Alexandre, gerente da unidade.

Helena Rodrigues, de 73 anos, aproveitou a ida do filho a UBS Tiradentes para tentar se vacinar antes do fim da campanha. Segundo ela, essa é a terceira vez que procura uma unidade para receber a imunização, mas problemas de saúde a impediram que tomar a dose. “Fui tomar a vacina no posto perto da minha casa, mas eu estava com febre e não consegui. Quando melhorei tentei de novo, mas estava também estava com febre”; lembrou.

Já a dona de casa Júlia Batista, de 21 anos, levou a filha de 1 anos e quatro meses para cumprir o calendário de vacinação infantil e acabou aproveitando para dar a segunda dose da vacina contra a gripe para a menina. “Ela tomou a primeira em abril. E aproveitei hoje para dar a segunda”, relatou.

O último balanço divulgado pela Sesau, na sexta-feira, apontou que até o dia 24 de maio, 145.487 pessoas dos grupos de risco, foram imunizadas. O número representa 74,58% da meta de imunização, cerca de 197 mil pessoas na Capital.

Ainda segundo a secretaria, a maior procura pela vacinação é dos idosos. Neste grupo, das 80.080 pessoas aptas a tomar a dose, 69.597 já estão imunizadas, ou seja, 66,02%. O primeiro grupo a atingir mais de 100% da meta foram os professores. A expectativa era imunizar 6.944 pessoas.

Em Mato Grosso do Sul, 38 pacientes foram diagnosticados com os três tipos de vírus da gripe de maior circulação (Influenza A, H1N1, Influenza A H3N2 e Influenza B). O número de mortos por conta da gripe no Estado já chega a dez, dos casos, quatro aconteceram em Campo Grande.

Os dados do boletim epidemiológico - divulgados no dia 17 deste mês - confirmam uma morte em Nioque pelo vírus H1N1, duas mortes em Aquidauana e Naviraí pelo vírus H3N2 e mais duas mortes por Influenza A - não subtipado em Chapadão do Sul e Três Lagoas.

Na Capital estão confirmadas quatro mortes por Influenza A pelo vírus H3N2/Sazonal e uma morte por Influenza B. Dos 38 pacientes confirmados com a gripe, 22 contraíram a influenza A tipo H3N2; sete por influenza A – não subtipado; seis com influenza A H1N1 e três com influenza tipo B.

Movimentação no UBS Tiradentes é fraca (Foto: Saul Schramm)Movimentação no UBS Tiradentes é fraca (Foto: Saul Schramm)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions