A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

14/05/2014 08:52

A caminho da casa da ex, homem é preso com arma, facas e munição

Aliny Mary Dias e Zana Zaidan

Indignado com a separação da ex-mulher, ocorrida há três anos e meio, um homem de 43 anos, por pouco, não foi responsável por uma tragédia. Na noite de ontem (13), no Jardim Radialista, o homem tentou conversar com a ex e depois da recusa dela, foi abordado por uma equipe da Polícia Militar com armas e munição.

Segundo o delegado Gustavo Ferraris, a mulher de 38 anos contou em depoimento que foi casada com o suspeito por 14 anos e que agressões, entre elas situações graves, eram constantes. Por medo e para proteger as filhas, a mulher nunca registrou os crimes.

O caso que levou o homem para dentro de uma delegacia ocorreu por volta das 21h30 de ontem. O ex-marido foi até a casa da vítima e pediu para entrar na residência. A mulher estava com o atual namorado e impediu a entrada do ex.

Revoltado, o homem ameaçou a mulher antes de ir embora. “Você pode esperar que eu vou embora, mas vou voltar e vou matar todo mundo que estiver aí dentro”, disse o homem conforme os relatos da vítima.

Amedrontada, a mulher e o atual namorado decidiram sair da casa em veículos separados. No caminho, por sorte, a mulher encontrou uma viatura da Polícia Militar e contou toda a história. Por coincidência, o ex-marido passou por eles em um carro e foi abordado pelos policiais.

Dentro do veículo, a polícia encontrou uma garrucha calibre .22, munição, faca e até um facão. O homem foi detido, encaminhado até a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga e irá responder por ameaça e porte de arma de uso permitido, os dois crimes qualificados por violência doméstica.

O delegado afirma que arbitrou fiança no valor de 10 salários mínimos, equivalente a R$ 7,2 mil, e que decidiu em manter o homem preso para evitar o pior. “Algo ia dar errado, ele estava mal intencionado”, explica Ferraris. O suspeito deve ser transferido para a 4ª delegacia de polícia da Capital.

Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions