A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

15/06/2019 09:54

A caminho do trabalho, motociclista bate em poste e morre na hora

Testemunhas acreditam que vítima passou mal o dormiu sobre a moto

Ângela Kempfer e Mirian Machado
Moto já em pé, depois de acidente que matou calheiro de 55 anos. (Foto: Kisie Ainoã)Moto já em pé, depois de acidente que matou calheiro de 55 anos. (Foto: Kisie Ainoã)

O calheiro Ismael Santana, de 55 anos, morreu na manhã deste sábado (15) em acidente no Bairro Paulo Coelho Machado. Ele pilotava uma moto Titan e bateu de frente em um poste de iluminação pública. Testemunhas acreditam que ele dormiu ou teve mal súbido sobre a motocicleta, porque não havia movimento na via no momento da colisão.

 

Ismael morreu na hora, após atingir poste. (Foto: Direto das Ruas)Ismael morreu na hora, após atingir poste. (Foto: Direto das Ruas)

O acidente aconteceu na Rua Catiguá, por volta das 7h. A dona de casa Izabel Santos, de 48 anos, estava limpando a casa e diz que ao abriu o portão, viu Ismael atingir o poste. Logo pediu o socorro, mas ele morreu na hora, com traumatismo craniano grave, porque estava sem capacete. “O SAMU chegou em 5 minutos, mas ele já tinha morrido”, conta.

Outra moradora da região, que não quis se identificar, acredita em abuso de velocidade como causa do acidente. Ela diz que a Rua Catiguá é “uma pista de corridas”. “Meu filho já acidentou aqui, perdeu o braço e uma perna”, relata. Na via, só há um quebra-molas e nenhum outro redutor de velocidade. “Já pedimos de tudo. Não tem sinalização para obrigar eles a reduzirem”, reclama a moradora.

Segundo policiais militares que atenderam a ocorrência, Ismael seguia para a casa de um cliente, para fazer medições e instalar calhas. Ele era habilitado, mas o documento da moto estava atrasado e o veículo foi recolhido para o pátio do Detran.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions