ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  16    CAMPO GRANDE 19º

Capital

Acolhido é preso após tentar estuprar criança de 2 anos em casa de abrigo

Homem ainda mentiu nome para a polícia e foi preso por tentativa de estupro

Por Dayene Paz | 14/10/2021 12:00
Caso é investigado pela Depca. (Foto: Marcos Maluf)
Caso é investigado pela Depca. (Foto: Marcos Maluf)

Homem que não teve identidade divulgada, acolhido no Uaifa (Unidade de Acolhimento Institucional para Adultos e Famílias), antigo Cetremi, foi preso em flagrante nesta quarta-feira (13), após tentar estuprar uma criança de dois anos dentro da unidade. O caso será investigado pela Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente).

De acordo com as informações do boletim de ocorrência, a GCM (Guarda Civil Metropolitana) foi acionada para atender a ocorrência de assédio sexual. A mãe da vítima contou que está abrigada na unidade e aguardava o horário de comer, junto com dois filhos.

Em determinado momento, a criança correu para o pátio brincando e a mãe saiu para procurá-la. Ao ver a filha, flagrou o momento em que o suspeito alisava as partes íntimas e tentava levar a menina para um quarto. A mulher se assustou, pegou a criança e chamou pelo marido para que saíssem do local.

No entanto, uma assistente social da casa de abrigo foi avisada sobre a situação e acionou a Guarda. Em seguida, os envolvidos foram levados para a delegacia. Ainda foi descoberto que o suspeito forneceu nome falso na casa de abrigo e para a polícia. Ele foi preso em flagrante por estupro de vulnerável na forma tentada.

A vítima passou por exame de corpo de delito e é acompanhada pelo setor psicossocial da Depca.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário