ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SÁBADO  05    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Agentes discutem proposta hoje sob ameaça de suspender visitas

Por Guilherme Henri | 02/05/2016 10:48
Na semana passada os agentes penitenciários restringiram atividades nas unidades penais (Foto: Thiago de Souza)
Na semana passada os agentes penitenciários restringiram atividades nas unidades penais (Foto: Thiago de Souza)

Agentes penitenciários entraram em greve na manhã desta segunda-feira (2) para reivindicar melhorias nas unidades penais e mais segurança para a categoria. Eles reduziram o banho de sol do Presídio de Segurança Máxima de 5h para 3h, não recebem mais pertences dos detentos e não estão mais liberando os presos para estudar ou trabalhar. Agora a categoria ameaça suspender as visitas das unidades penais caso uma proposta não seja apresentada pelo Estado.

A informação é do presidente do Sinsap (Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária de Mato Grosso do Sul), André Luiz Garcia Santiago, que ao Campo Grande News afirmou que o Governo do Estado deve apresentar ainda esta manhã uma minuta de proposta, que será discutida em assembleia com os servidores às 14h, na sede do sindicato. “A expectativa é que o governo nos valorize enquanto servidores que precisam de segurança para desempenhar suas atividades”, reforça.

Ainda nesta manhã o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou que o Estado cedeu até o “limite da responsabilidade” e que que se houver paralisações, o Executivo Estadual vai contestar na Justiça.

“Ninguém tira o direito de uma categoria fazer greve. Mas nós podemos contestá-la e o faremos na Justiça”, diz Azambuja.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário