A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

09/04/2013 09:39

Agentes protestam e Bernal põe "tropa de choque" na Prefeitura

Luciana Brazil e Paula Maciulevicius
Manifestantes seguem em passeata até a Prefeitura, depois de ficarem concentrados em frente à Sesau. (Foto: Marcos Ermínio)Manifestantes seguem em passeata até a Prefeitura, depois de ficarem concentrados em frente à Sesau. (Foto: Marcos Ermínio)
Bernal põe guardas para cercar prefeitura (Foto:Paula Maciulevicius)Bernal põe guardas para cercar prefeitura (Foto:Paula Maciulevicius)

Agentes comunitários de saúde realizam um protesto contra o não pagamento de gratificação de R$ 272. Para enfrentar o primeiro protesto da sua administração, o prefeito Alcides Bernal (PP) colocou a guarda municipal para cercar o Paço Municipal, sede da Prefeitura, e evitar a chegada dos 400 agentes de saúde.

Eles realizam manifestação pacífica desde o início da manhã em frente à Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), em Campo Grande.

O grupo cobra a efetivação da jornada de oito horas diárias, que reduz a jornada de trabalho, o repasse salarial integral de R$950, além dos adicionais de insalubridade e periculosidade.

Os agentes se concentraram na rua Rio Grande do Sul, em frente a secretaria e neste momento seguem em passeata, pela avenida Afonso Pena, até a Prefeitura. Os manifestantes usam faixas, fogos e carro de som.

Apesar de ocuparem apenas a faixa da direita da avenida Afonso Pena, o tráfego de veículos está lento no local.

Guardas municipais protegem prefeitura (Foto:Paula Maciulevicius)Guardas municipais "protegem" prefeitura (Foto:Paula Maciulevicius)

O presidente do Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais de Campo Grande), Marcos Tabosa, teme que o secretário de Saúde, Ivandro Fonseca, recue e não assine a efetivação do projeto 8h. Hoje, o jornada de trabalho é das 7h às 17h, com duas horas para o almoço. A intenção dos agentes é reduzir a jornada, das 7h às 13h, com 10 ou 12 visitas por período.

O repasse integral de R$ 950, verba vinda do Ministério da Saúde, é outra reivindicação dos servidores, já que atualmente recebem o salário mínimo.

A delegada de base do sindicato e agente comunitária, Aparecida Munhoz, 49 anos, explica que desde a semana passada estão sendo realizadas assembleias para pressionar a resposta da negociação. “Quem combate a dengue são os agentes comunitários, não são eles”.

A manifestação de hoje tem apoio do Sindicato dos Vigilantes e da UGT (União Geral dos Trabalhadores).

Em entrevista à rádio FM Capital, Bernal rebateu o protesto e acusou o presidente do Sisem de atuar com interesse político. O sindicalista foi assessor do vereador Airton Saraiva (DEM) e nega qualquer motivação política.



criticar é muito fácil como o home vai trabalhar se tudo q vai fazer os vereadores querem barrar estão fazendo de tudo para ele se ferrar não é por aí , os vereadores tem se colocarem em seus lugares e apoiar o prefeito enquanto os vereadores quiserem mandar mais que o prefeito só vai dar merda e o pior q fomos nos que colocamos eles lá
 
clodovil arguilera em 14/06/2013 17:34:50
as pessoas reclamam mas num sabem da missa a metade, ninguém tá querendo nada além do que ele prometeu, e ele prometeu tornar Campo Grande numa Neverland, prometeu o mundo dos sonhos, agora o pessoal tá cobrando...
 
Eduardo carvalho em 10/04/2013 01:37:05
Eu como ex ACS, entendo muito bem a reinvidicação desses agentes, o salário é baixo, o extress é muito grande, pq alem do seus próprios problemas vc tbm tem q/ se preocupar c/ os dos outros, e muitas vezes não se consegue resolver, a maioria desses agentes adquirem problemas de saúde grave, principalmente a depressão, e ainda prometem melhorias e salários q/ nunca chegam ficam só na promessa. Tem q/ lutar mesmo colocar a boca no trambone.
 
silvania rosa em 09/04/2013 17:08:39
Estão fazendo de tudo para o Bernal se dar mal. Só espero que ele saiba driblar o que esta vindo por aí. Não estão deixando ele nem respirar. Baseado em que querem impeachment, se ele nem foi condenado? Pelo visto apoio ele só teve dos eleitores.
 
Antonio Reis em 09/04/2013 16:59:53
Como já disse Alexandre de Souza, será que vale a pena colocar a saúde em risco por um salário mínimo??? Alguém aqui colocaria a sua por esse valor miserável?? Ainda tem pessoas como a Bruna que acham que os agentes ganham o suficiente para contrair uma dengue hemorrágica ou coisa desse tipo..é lamentável tais comentários..
 
Karmem Marin em 09/04/2013 16:50:13
esse é só o começo das reinvidicações, o bernal foi se gabar antes do tempo e prometeu muito pra esses funcionarios da prefeitura que só estão querendo os direitos dos combinados, saudade do nelsinho ou qualquer um que pelo menos faça em vez de falar
 
samuel vosni em 09/04/2013 16:20:56
o prefeito precisa entender que a administração agora é dele, chega de desculpas de seus erros,não tem competencia mesmo, isto já sabiamos, é melhor trabalhar e cumprir com suas promessas, que não foram poucas eu me recordo bem, tapa buraco não, recapiamentoe sim e com qualidade, deixa de ser dadialista e vai trabalhar que campo grande esta acabando de tanto desleixo......indignada...........
 
clara marins em 09/04/2013 15:48:39
Bruna campos avalie bem o seu comentário! Eles recebem pouco pelo que fazem, ja que as pessoas não cuidam dos próprios terrenos. Olha o trabalhos que eles exercem explicações sobre a limpeza, riscos, doenças, detetização das larvas e limpeza de terrenos(já que 90% da população não cuida do seu). São vários serviços agregados por uma falta de educação do povo e a cobrança quando ocorre casos de dengue é contra o agente por parte das autoridades e população(que não olha o próprio umbigo e joga a culpa em terceiros). O entrar em terrenos deploravéis correm o risco de picados de animais peçonhentos e ainda são os primeiros a contrair a dengue. Meu pai é supervisor e sei o que seus agentes passam!
 
Alexandre de Souza em 09/04/2013 15:06:59
Pelo amor de Deus tanta coisa pra se preocupar, esses caras já ganham o sulficiente pelo que faz, eles tinham q pensar naqueles q realmente necessitam de aumento e melhoras...
Os nossos postos de saúde estao um caus, os onibus a cada dia parece diminuir, ruas virando estradas de chao... Vamos pensar melhor e trabalhar para ajudar a todos e nao só a si próprio se bem q ainda penso q tudo isso é para derrubar o nosso prefeito, que ninguém esta deixando trabalhar direito, é um escandalo ali uma baderna aqui tudo pra atrapalhar a administraçao dele e dizer q ele n esta fazendo nada!!! indignadaaa
 
Bruna campos em 09/04/2013 14:44:36
olha gente eu acho que tem que ver se com esse aumento a prefeitura vai ter dinheiro para pagar os salarios pois esse dinheiro que eles estão reivindicando esta sendo pago o aumento do salario dos vereadores que almentaram o proprio salario em 50 por cento quase, isso ninguem fala mais nada, continua no brasil quem trabalha menos ganha mais quem nao faz anda entao fica rico ehehe como vereadores, prefeito, deputados, senadores e presidentes ah, ainda tem os assessores os aspones entre outros MUDA BRASIL, MUDA BRASILEIROS façam campanha para voltar o antigo salario dos vereadores que sobra dinheiro pra voces #ficaadica
 
marcos vargas em 09/04/2013 14:37:53
Sou Acs e concordo com a manifestação e as reivindicações, mas não concordo com a redução do horário, entendo que o nosso trabalho neste horário atrapalharia a rotina das familias, pois quem vem almoçar em casa tem pouco tempo, e para que possamos realizar uma visita de acompanhamento de qualidade precisamos no mínimo de 20 minutos para a entrevista com a familia, e neste horário muitas pessoas além de almoçar descansam antes de voltarem ao trabalho, por que ao inves de reduzir o horário não pagam hora extra para horários alternativos e nos fins de semana?b Não recebemos nenhum tipo de adicional se trabalharmos além dos horário somos pagos com folga.
 
elisangela freitas em 09/04/2013 13:23:51
E o Bernal??? kkkkk
 
JULIANA A F GARCIA em 09/04/2013 11:25:35
Engraçado, porque nao fizeram isso na gestão do ultimo prefeito...é Srº Bernal, esse povo quer é te derrubar, aguenta firme. Santa Casa, Camara ja são dividas antigas. e agora querem que o Srº pague pelas administrações antigas. Não da mole não, quem estiver insatisfeito PEDE PARA SAIR.
 
mari ferreira em 09/04/2013 11:11:42
Incrível que com o outro prefeito eles perderam até o salário. Este não fez nada. Acho que o servidor deve ganhar bem, condizente com o nível de qualificação, entretanto acho que os mesmos são massas de manobras a fim da Prefeitura liberar 01 milhão de reais para o SISEM, dinheiro este que está sendo questionado sub-judice, para que o presidente gaste com sua família, basta ver que até hoje o sindicato não tem sede própria e os mais de dois milhões sumiram.
 
Roberto Domingos em 09/04/2013 11:11:12
Pois é, mas o que esquecem de dizer é que no governo passado já não existia o pagamento da verba federal, onde conversei com diversos agentes de saúde que clamavam pelo então Prefeito e este nem aí para os servidores. Agora querem colocar a culpa no Bernal e que o mesmo dê conta algo que já vem se arrastando por tempo sem ser resolvido pela administração anterior...tentam macular a imagem de que o Bernal não resolve nada, mas esquecem de dizer que isto deveria ter sido feito antes, porque os agentes de saúde não fizeram esse tipo de reivindicação na administração anterior. O Sr. Tabosa já era presidente na gestão passada, porque somente agora resolveu "dar as caras', explique-se. Acredito que Bernal trará solução muito melhor do que aqueles que aí estiveram por anos e nada fizeram!!!
 
Rosimeire Silva em 09/04/2013 11:10:46
vai aqui a minha sugestao para o campo grande news,sempre tem uma enquete onde é colocado um assunto a tona.minha sugestão é ,a população aprova um impeachment contra o bernal, a voz do povo é a voz de Deus.
 
dario da silva em 09/04/2013 11:09:33
Vamos tirar esse prefeito!!!! Como foi com o ex. Presidente Collor.
Para quem falou que iria ter dialogo, isso e dialogo? colocar guardas em frente ao paço municipal.
Chame os servidores para conversar e apresenta propostas.
Já não está fazendo nada pela cidade e nem para os servidores municipais.....
Vergonha, vergonha e vergonha...........
 
Rednar Almeida em 09/04/2013 10:52:25
os guardas estão apenas cumprindo sua função, não existe isso de tropa de choque, nem houve repressão alguma. Ano passado aconteceu mesma coisa, o nelsinho chamou até a pm para ficar no pátio da prefeitura, com medo de invasão, mas isso ninguém fala
 
Paula Lutero em 09/04/2013 10:51:22
o povo não queria mudança esta ai .principalmente os funcionários plubico agora so lamentos vai passar rápido so falta uns trez ano e meio passa rapidinho vcs nem vao notar a diferença .
 
nedio duarte em 09/04/2013 10:48:55
E o Bernal? Roubou dinheiro do povo e bal-bal.

Ele acusa os outros, mas os outros provam os erros dele com documentação primária.

IMPEACHMENT JÁ!

ESSE CARA ESTÁ ROUBANDO DEMAAAAAAAAAAAAAAAIS EM POUCO TEMPO.
 
Maria Antonieta de las Nieves em 09/04/2013 10:34:29
CAMPO GRANDE MAIS PROGRESSISTA... TRADUZINDO: COMUNISTA.
 
Maria Antonieta de las Nieves em 09/04/2013 10:33:22
Isso ainda não é nada. Quero ver a negociação com os profissionais da educação pública, que exigem o pagamento do piso nacional de 1.567,00 e, pelo menos, o repasse da inflação como aumento salarial. Dou meu total apoio aos agentes de saúde que merecidamente deverão receber o que foi prometido para eles. Palavra é palavra oui o cabra tem que dar o fora...
 
Roberto Ferreira em 09/04/2013 10:29:48
CARAMBA.





NEI SALVIANO
 
nei salviano em 09/04/2013 10:17:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions