ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 23º

Capital

Aluno confirma covid e turma de Ensino Médio fecha por 10 dias

Estudante é adolescente do 3º ano do Ensino Médio do colégio particular Nota 10

Por Paula Maciulevicius Brasil | 10/03/2021 08:19
Após teste positivo, recomendação da escola segue diretrizes da saúde pública e estabelece volta presencial da turma depois de 10 dias consecutivos. (Foto: Arquivo/Kísie Ainoã)
Após teste positivo, recomendação da escola segue diretrizes da saúde pública e estabelece volta presencial da turma depois de 10 dias consecutivos. (Foto: Arquivo/Kísie Ainoã)

Depois de um aluno do 3º ano do Ensino Médio testar positivo para covid-19, o Colégio Nota 10, unidade da Rua das Garças, determinou a suspensão de aulas por 10 dias nesta turma desde essa segunda-feira (8).

No comunicado informado aos pais, a escola explica que recebeu a confirmação da covid-19 no aluno na manhã de domingo (7) e que a suspensão de aulas presenciais por 10 dias consecutivos é em cumprimento às orientações dos órgãos de saúde pública e também ao protocolo de biossegurança.

O documento estabelece a volta presencial no dia 18 de março, quinta-feira da próxima semana. Com a assinatura do diretor, vice-diretor e diretor regional, a nota ainda diz que "reafirmamos nosso compromisso com o bem comum da comunidade escolar, mantendo nossas atividades na modalidade remota, assim como da transparência de informações e com todas as medidas preventivas implementadas pela nossa instituição, junto aos órgãos competentes".

A nota também orienta que colabores e familiares que forem diagnosticados são obrigados a se afastarem das atividades presenciais por 10 dias e ou após liberação médica. A escola também reforça que precisa ser comunicada imediatamente.

Esta é pelo menos a segunda vez que o Colégio Nota 10 suspende turmas do 3º ano do Ensino Médio. O primeiro caso noticiado foi em novembro do ano passado.

Na semana retrasada, o Colégio Adventista do Jardim Leblon também suspendeu por 10 dias as aulas presenciais em todas as turmas por conta de casos de covid-19 entre funcionários.

A volta às aulas de 2021 teve adesão em massa dos alunos à modalidade presencial. A Prefeitura Municipal de Campo Grande chegou até a aumentar a porcentagem máxima de ocupação das salas para 50% dos alunos no início deste mês.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário