ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 20º

Capital

Alunos são dispensados de escola após temporal na região do Aeroporto

Portão chegou a cair e telhado está danificado; secretaria ainda não sabe quando as aulas voltarão

Por Natália Olliver | 04/12/2023 10:55
Alunos foram dispensados devido a prejuízo em teto de escola (Foto: Marcos Maluf)
Alunos foram dispensados devido a prejuízo em teto de escola (Foto: Marcos Maluf)

Alunos da Escola Professora Clarinda Mendes de Aquino, no bairro Jardim Petrópolis, em Campo Grande, tiveram as aulas suspensas na manhã desta segunda-feira (4), após temporal que atingiu a região do Aeroporto no domingo (3). A unidade escolar fica próxima aos locais mais danificados, como a Avenida Duque de Caxias, onde a escultura do tuiuiú e duas árvores caíram.

A SED (Secretaria Estadual de Educação) ainda não sabe quando as aulas voltarão. O prédio teve o teto quebrado e um dos muros de ferro, na parte lateral, caiu. O estrago foi causado pelo vento forte que chegou a mais de 50km/h.

Portão de ferro caído após chuva deste domingo (Foto: Marcos Maluf)
Portão de ferro caído após chuva deste domingo (Foto: Marcos Maluf)

Os servidores e alunos chegaram para o dia letivo e se depararam com as instalações cheias de água. Várias salas foram comprometidas. Ao Campo Grande News, a SED explicou que as equipes já estão no local trabalhando na manutenção do espaço. Ela não soube especificar quanto tempo durará o reparo, mas alertou que durante o período, estudantes contarão com APCs (Atividades Pedagógicas Complementares).

“Em decorrência de danos causados pelas fortes chuvas deste final de semana, a unidade escolar teve suas atividades presenciais suspensas para manutenção.  As atividades podem ser de diferentes formas, de acordo com a organização de cada componente. O termo "Atividades Pedagógicas Complementares" engloba todas as modalidades que são postas em prática”. A unidade foi reformada no período da pandemia, entre 2020 e 2021.

Zé Bicudo, monumento próximo ao Aeroporto que caiu devido às chuvas (Foto: Osmar Daniel)
Zé Bicudo, monumento próximo ao Aeroporto que caiu devido às chuvas (Foto: Osmar Daniel)

Chuva -  A Energisa, responsável pelo abastecimento da cidade, disse que a suspensão do serviço aconteceu de maneira pontual. Entre os bairros mais impactados estão Jardim Batistão, Tiradentes, Coophavilla II, Vila Santo Antônio e Vila Nova Campo Grande.

Segundo a Sisep (Secretaria Municipal de Infraestruturas e Serviços Públicos), o bairro com maior número de solicitações é o Jardim Imá. Equipes da secretaria e da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Campo Grande estão atuando para atender os pedidos de remoção de árvores que caíram durante as chuvas deste domingo.

Ao todo, a Sisep recebeu nove chamados, cinco já estão em atendimento. A Defesa Civil recebeu dois chamados e convocou servidores que estavam de folga para auxiliar no atendimento à população.

Veículos atingidos por árvores no Aeroporto de Campo Grande (Foto: Direto das Ruas) 
Veículos atingidos por árvores no Aeroporto de Campo Grande (Foto: Direto das Ruas)

Para acionar as equipes da Sisep, os cidadãos precisam ligar nos canais "Fala CG" pelo telefone 156 (Sisep) ou através dos números 199 e 2020-1389 (WhatsApp da Defesa Civil).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias