A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/04/2013 10:12

Após crise e desastres naturais no Japão, brasileiro volta a Campo Grande

Gabriel Neris
Claudinei Arakaki, de 50 anos, foi recebido por familiares no aeroporto da Capital (Foto: Divulgação)Claudinei Arakaki, de 50 anos, foi recebido por familiares no aeroporto da Capital (Foto: Divulgação)

Claudinei Arakaki, de 50 anos, desembarcou nesta sexta-feira (19) no Aeroporto Internacional de Campo Grande depois de cinco meses internado num hospital do Japão.

Natural de Caracol, município localizado a 364 km da Capital, Arakaki é uma das muitas vítimas brasileiras da crise econômica japonesa. A situação ficou pior com o tsunami que devastou várias cidades.

Uma parceria envolvendo a Associação Esportiva e Cultural Nipo Brasileira e a Grande Loja Maçônica de Mato Grosso do Sul realizou a campanha para criação de fundos para ajudar os brasileiros que passavam por dificuldades. Foram arrecadados R$ 72 mil.

“Com a crise acabou emprego no Japão, eu vivia no baito, e fazia muita força, quando passei mal e os médicos descobriram que apenas um quarto do meu pulmão funcionava”, explicou Arakaki.

Ainda quando estava no aeroporto, Arakaki agradeceu a todos que contribuíram com o fundo, possibilitando a volta ao Brasil. “Daqui pra frente vou cuidar da saúde, não tenho como agradecer o que fizeram por mim”, finalizou Arakaki, que morou no Japão durante 24 anos.

Com o fundo criado, também já retornaram ao Brasil Alvaro Luiz Naksato, de 50 anos, e que viveu 11 no Japão, Harue Kumata, de 79, e o filho Wilson Kumata, de 14.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions