A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/10/2016 07:58

Bandidos invadem igreja, amarram fiéis e fogem levando objetos e caminhonete

Viviane Oliveira e Julia Kaifanny
Igreja que foi invadida pela quadrilha, na noite de ontem. (Foto: Fernando Antunes) Igreja que foi invadida pela quadrilha, na noite de ontem. (Foto: Fernando Antunes)

Quatro homens invadiram uma igreja, amarraram os fiéis e fugiram levando relógios, alianças, celulares, dinheiro e uma caminhonete Hilux S-10, de cor preta. O crime ocorreu por volta das 22h30, na Rua Engenheiro Alírio de Matos, na Vila Jacy, em Campo Grande.

Três dos suspeitos, Juliano da Silva Queiroz, 34 anos, Alexandre Roak da Silva, 26 anos, e Kaye Fernando Araújo Nakayama, 23 anos, foram presos na mesma noite. Eles levariam a caminhonete para o Paraguai.

Conforme policiais do Batalhão de Choque, os assaltantes chegaram no templo em um veículo Fiesta. Três deles entraram no patio da igreja, enquanto os fiéis participavam de uma confraternização, anunciaram o roubo e amarraram as vítimas. Não foi informado quantas pessoas tinham no local. 

Suspeitos foram presos, quando tentavam levar a caminhonete para o Paraguai. (Foto: Fernando Antunes) Suspeitos foram presos, quando tentavam levar a caminhonete para o Paraguai. (Foto: Fernando Antunes)
Caminhonete foi recuperado por policiais do Batalhão de Choque. (Foto; Fernando Antunes) Caminhonete foi recuperado por policiais do Batalhão de Choque. (Foto; Fernando Antunes)

Eles roubaram vários objetos e fugiram com a caminhonete. O bando ainda tentou levar um Honda Civic e um Siena, mas desistiu de levar os carros de passeio. Depois do crime, as vítimas conseguiram se soltar e acionaram a Polícia Militar.

Com as características do veículo e o número da placa da caminhonete em mãos, os militares localizaram o veículo no Comper da Rua Brilhante. A quadrilha se dividiu quando percebeu a presença da polícia e tentou fugir, mas mesmo assim Juliano e Alexandre foram presos com a Hilux na Rua Panambi Vera com a Avenida Gunter Hans.

Já outra equipe do Choque conseguiu localizar Kaye com o Fiesta na Avenida Tamandaré. Todos os suspeitos tem várias passagens pela polícia. Juliano e Alexandre são fichados por tráfico de drogas e roubo. Já Kaye, por homicídio. O outro suspeito, que não teve os nome divulgado, ainda não foi encontrado. Com a quadrilha foi encontrada um revólver calibre 38 e duas pistolas.

Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions