A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Abril de 2019

07/02/2019 12:10

Bebê fica preso em carro, mas é salvo antes de bombeiros estourarem vidros

Além do superaquecimento, o risco de ficar preso dentro de veículo é de asfixia com o monóxido de carbono

Anahi Zurutuza e Bruna Kaspary
Carro estava estacionamento na vaga vazia entre os os veículos prata e branco (Foto: Bruna Kaspary)Carro estava estacionamento na vaga vazia entre os os veículos prata e branco (Foto: Bruna Kaspary)

Um bebê, de menos 1 ano, passou cerca de meia hora preso dentro de um carro no estacionamento do supermercado Comper da avenida Marechal Deodoro, em frente ao Terminal Aero Rancho, no fim da manhã desta quinta-feira (7).

A criança estava na cadeirinha, no banco de trás, a mãe saiu do carro e a porta bateu com a chave para dentro. O relato é do operador de estacionamento, Leonardo Augusto Fernando da Rocha, 26 anos. Ele conta que não assistiu a cena, mas soube do ocorrido pelos comentários das pessoas que estavam envolta do carro assistindo ao socorro do Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

“A mãe estava muito nervosa, desesperada. Os bombeiros perguntaram se podiam estourar o vidro, mas ela disse que o marido estava vindo com a chave reserva do carro”.

Antes que as janelas do carro fossem estouradas, o homem chegou com a chave. A equipe e a família deixaram o local.

Além do superaquecimento, o risco de ficar preso dentro do carro é de asfixia com o monóxido de carbono.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions