A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

18/09/2014 20:15

Blitze multam 79 pessoas e flagram 22 motoristas sem carteira

Eduardo Penedo, Adriano Pereira e Aline Santos
Blitze da PRF, PM e Agetran teve foco nos condutores sem habilitação e acabou detendo 17 sem CNH. (Foto: Marcelo Calazans)Blitze da PRF, PM e Agetran teve foco nos condutores sem habilitação e acabou detendo 17 sem CNH. (Foto: Marcelo Calazans)

As duas blitze que abriram a Semana do Trânsito, que acontece de hoje a 25 de setembro, notificaram 79 pessoas, sendo 22 delas não habilitadas. As ações aconteceram no bairro Tiradentes, em Campo Grande.

Os policiais do BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) e fiscais da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) realizaram blitz na Avenida Marquês de Pombal e notificaram 58 pessoas, sendo 19 com o CLA( Certificado de Registro e Licenciamento anual) e o mesmo número de veículos removidos para o Detran (Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul) e duas CNH foram apreendidas. Além de 17 condutores que não eram habilitados.

Já a equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal) que atuou na BR-163, próximo ao residencial Damha, no anel viário, fiscalizou 65 veículos e 72 pessoas. Na ação foram lavrados 21 autos de infração, sendo cinco deles pelo fato do condutor não possuir habilitação.

Além disso, foram recolhidas cinco motocicletas por diversas infrações, como licenciamento vencido, falta de equipamento obrigatório de segurança, ou equipamento em mau estado de conservação e pelo condutor não possuir CNH.

“O motociclista é um ponto sensível. E o foco é a redução de acidentes”, afirma a chefe do núcleo de comunicação social da PRF, Vanessa Freire. A fiscalização começou às 7h e o local foi escolhido por ser próximo ao perímetro urbano, ponto de grande fluxo. Durante a Semana do Trânsito, a PRF também vai atuar dentro do perímetro urbano, em apoio à PM e Agetran.

Segundo o policial Régis Carvalho, a corporação vai ceder efetivo, radares e bafômetros, mas sem lavrar auto de infração, o que é atribuição das autoridades responsáveis pela circunscrição. “Vamos atuar junto com a fiscalização dentro de Campo Grande”, afirma Carvalho. Dentro e fora da cidade, a preocupação é com o excesso de velocidade. “No nosso Estado tem pouca rodovia duplicada e a invasão da pista contrária é causa frequente de morte. É nossa preocupação”, disse o agente.

Grupo de risco – Na Avenida Marquês de Pombal, no bairro Tiradentes, a fiscalização teve enfoque nas motos. “Os motociclistas têm sido 60% das vítimas fatais. É o grupo de risco, principalmente sem habilitação”, afirma o comandante da BPTran, tenente-coronel Jonildo Theodoro.

Até a próxima quinta-feira, serão realizadas blitz educativa e repressiva. Nesta quinta-feira, a blitz educativa acontece na Fernando Côrrea da Costa. Em 2013, foram 50 mortes de condutores de moto entre os meses de janeiro e setembro. Neste ano, até agora, são 41 óbitos, perfazendo redução de 18%.

Durante discussão, adolescente de 17 anos é esfaqueado pelo amigo
Um jovem de 17 anos foi levado em estado grave para a Santa Casa após ser esfaqueado na noite deste sábado, na frente da casa em que mora no Bairro G...
Após furtar obra, ladrão é capturado por moradores e ferido a tiros
Marcio Estacio Duarte Teixeira, de 31 anos, foi socorrido a Santa Casa de Campo Grande após ser atingido por dois tiros na madrugada deste domingo (1...


Acho que blitze pra pegar trabalhador com motinho popular pode até ser eficaz para os cofres públicos, para arrecadarem verbas. Agora, pra ajudar a resolver problemas disciplinar no trânsito, pra flagrar playboy dirigindo alcoolizado, pra pegar gente que realmente prejudica o trânsito, deve ser feito de noite, na madrugada, nos finais de semana, nas saídas das festas e casas noturnas... Mas aí já envolve interesse de outros...
 
fabiano silva em 19/09/2014 09:14:57
Acho que blitze pra pegar trabalhador com motinho popular pode até ser eficaz para os cofres públicos, para arrecadarem verbas. Agora, pra ajudar a resolver problemas disciplinar no trânsito, pra flagrar playboy dirigindo alcoolizado, pra pegar gente que realmente prejudica o trânsito, deve ser feito de noite, na madrugada, nos finais de semana, nas saídas das festas e casas noturnas... Mas aí já envolve interesse de outros...
 
fabiano silva em 19/09/2014 09:14:23
É "menas" morte mesmo vai ter se vocês multarem o cara que tá saindo pra trabalhar pra tentar se sustentar e perde a moto pq não pagou o Imposto (IPVA) que foi criado pra não se ter depois outras taxas futuras.

Geralmente o povo que tá usando moto é porque precisa, não porque é o bonzão que adora acordar cedo pra ir trabalhar e vai de moto porque gosta de sentir o vento na cara. Ou seja, quem se ferra é sempre o pobre, no qual eu faço do grupo.
 
Cyro Escobar Ribeiro Neto em 19/09/2014 08:45:21
ÓTIMO TRABALHO, PARABÉNS, DEVERIA FAZER ISSO TODOS OS DIAS EM PONTOS DIFERENTES, PRA TIRAR BÊBADOS E DELINQUENTES DO TRANSITO, ASSIM HAVERIA MENAS MORTE.
 
fabiano santos em 19/09/2014 08:14:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions