A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

07/08/2014 15:06

Burocracia atrasa e Hospital da Criança não começa a funcionar

Michel Faustino
Hospital Sírio Libanês vai ser controlado pelo município (Foto: Marcos ErmínioHospital Sírio Libanês vai ser controlado pelo município (Foto: Marcos Ermínio

A burocracia deve atrasar o início do Hospital da Criança do SUS (Sistema Único de Saúde), que será instalado no Hospital Sírio Libanês. O arrendamento foi assinado na terça-feira (5) pelo prefeito Gilmar Olarte (PP). A expectativa é de que o hospital entre em funcionamento em 15 dias e não nesta semana, como chegou a ser anunciado pelo secretário de saúde do município Jamal Salem. 

De acordo com o superintendente em Saúde do município, Virgílio Gonçalves de Souza Júnior, é preciso aguardar a publicação do decreto do contrato feito com o Hospital Sírio Libanês, para que o município possa iniciar o processo de reestruturação para o atendimento. Além da publicação do contrato de arrendamento, é preciso aguardar a liberação dos alvarás de funcionamento.

Segundo ele, a previsão é de que esse processo será concluído somente na próxima semana. “Temos que esperar para podemos convocar uma frente de trabalho para iniciar as discussões de quando poderemos iniciar o atendimento”, disse.

Inicialmente, cinco pediatras estarão disponíveis 24 horas, e vão atender de 400 a 500 crianças por dia. No entanto, o número de profissionais disponíveis pode aumentar, conforme o desenvolvimento do projeto, afirma Virgilio. Nas demais unidades de saúde que hoje contam com pediatras, o horário de atendimento e quantidade de médicos será mantida.

O local, terá estrutura de ambulatório para o pronto-atendimento. Posteriormente, serão reativados os leitos para que o Hospital da Criança possa internar os pacientes.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions