A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/03/2015 13:21

Campanha de doação de sangue marca início de aulas em universidade

Flávia Lima
Acadêmicos participam de doação de sangue como parte da ação Trote Solidário. (Foto:Divulgação)Acadêmicos participam de doação de sangue como parte da ação Trote Solidário. (Foto:Divulgação)

O início do ano letivo para calouros e veteranos da Anhanguera-Uniderp, na Capital será marcado por uma campanha de doação de sangue, que acontecerá entre os dias 24 e 26. O Diretório Central dos Estudantes (DCE) – Uniderp e Centro de Hematologia e Hemoterapia do Estado (Hemosul), apoiados pela universidade, realizam a Campanha "Doe Sangue para Salvar Vidas". O evento faz parte do Trote Solidário, uma ação institucional que agrega a comunidade acadêmica ao mesmo tempo em que garante benefícios à sociedade.

Durante os três dias, das 7h às 11h, professores e alunos formam uma força tarefa de doações de sangue e cadastro de medula óssea para reabastecer os estoques do Centro de Hematologia. A unidade móvel do Hemosul estará na universidade, situada na Avenida Ceará, 333. A comunidade também está convidada a participar.

Para ser um doador é preciso ter entre 16 e 69 anos de idade, estar bem alimentado, portar documento oficial com foto e pesar no mínimo 55 quilos. No caso de menores de 18 anos, é preciso de autorização dos pais. O voluntário não pode ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas.

Para o cadastro de doação de medula óssea, o candidato deve ter entre 18 e 54 anos. Na unidade móvel ele vai colher uma amostra de 5ml de sangue. Os dados ficam armazenados no banco nacional, em caso de compatibilidade, o Instituto nacional do Câncer entrará em contato.

De acordo com Pró-reitor de Extensão, Ivo Busato, projetos de responsabilidade social atuam como porta de entrada para o aprendizado e conscientizam o aluno para a cidadania. "Queremos substituir a violência pela consciência e a humilhação pela mobilização. Participando de ações de extensão o novo aluno se sente valorizado e está mais próximo da cultura da Universidade, que é formar bons profissionais e cidadãos", finaliza.

Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions