ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEGUNDA  25    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Caseiro e filho matam ex-vereador Cristóvão Silveira e sua mulher

O casal foi esfaqueado ontem à noite na chácara onde moravam em Campo Grande

Por Viviane Oliveira e Guilherme Henri | 19/07/2017 06:55
Casal foi morto a golpes de faca (Foto: reprodução/Facebook)
Casal foi morto a golpes de faca (Foto: reprodução/Facebook)

O ex-vereador Cristóvão Silveira, 65 anos, e a mulher dele, Fátima Silveira, 56 anos, foram encontrados mortos por volta das 20h desta terça-feira (18), na chácara onde moravam, no km 24 da MS-80, na saída para Rochedo, em Campo Grande.

Cristóvão e a mulher foram encontrados mortos em um galpão da chácara, onde havia muito sangue. O suspeito seria o caseiro, que contou com a ajuda do filho e de mais uma pessoa, todos já presos, para cometer o crime. Ainda não se sabe quantas pessoas estão envolvidas no duplo homicídio. 

O caseiro, o filho dele e mais uma pessoa foram presos e levados para uma das celas do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros), em Campo Grande.

Após o crime, a caminhonete L-200 do ex-vereador foi roubada pelos filhos do caseiro. O veículo foi levado para a fronteira com a Bolívia, onde foi abandonado. O duplo assassinato teria ocorrido durante briga entre o caseiro e as vítimas.

Cristóvão Silveira foi vereador por cinco mandatos e deixou a câmara em 2012, quando não se candidatou à reeleição. Ele foi vereador pelo PSDB e é o autor da Lei da Cantina Saudável. Fátima Silveira é formada em Turismo e dedicava-se à família. O casal deixa dois filhos.

(Matéria editada às 11h32 para atualizar informações)

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário