A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020

13/02/2020 19:53

Cassems reforça cuidados com a saúde e prevenção da gravidez na adolescência

A iniciativa reúne profissionais da saúde em diálogos com adolescentes, sobre a importância do sexo seguro e na hora certa

Adriano Fernandes e Daniele Errobidarte
Palestra de divulgação da campanha, na tarde desta quinta-feira (13). (Foto: Kisie Ainoã) Palestra de divulgação da campanha, na tarde desta quinta-feira (13). (Foto: Kisie Ainoã)

Da necessidade de dialogar com os adolescentes sobre a gravidez precoce, a Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul) idealizou e lançou nesta quinta-feira (13) uma campanha de atenção integral à saúde de meninos e meninas, beneficiados com o plano.

A iniciativa reúne uma equipe com ginecologistas, urologistas, clínico geral e psicólogos para tratar sobre o tema, mas também falar da importância da prevenção não só quanto à gravidez, mas contra DST´s(Doenças Sexualmente Transmissíveis) e até identificar situações de abuso sexual.

“O foco é dar a instrução adequada para alguns jovens que ainda não fizeram o acompanhamento com um urologista ou ginecologista, por exemplo. Atuar na prevenção, para evitar que esses pacientes sejam expostos a algum risco para a saúde ou tenham que assumir uma gravidez precoce”, comentou o presidente da Cassems, médico Ricardo Ayache.

Presidente da Cassems, médico Ricardo Ayache, durante sua fala no evento. (Foto: Kisie Ainoã) Presidente da Cassems, médico Ricardo Ayache, durante sua fala no evento. (Foto: Kisie Ainoã)

Segundo a Caixa de Assistência, das 11,6 mil meninas na cartela de beneficiários, 617 ficaram gravidas entre os anos de 2015 e 2019 em Mato Grosso do Sul. Atualmente, no Brasil segundo pesquisa de 2018 da OMS (Organização Mundial da Saúde), a taxa de adolescentes grávidas é de 62 para cada grupo de mil jovens, com idades entre 15 e 19 anos.

Dados alarmantes que reforçam a importância de falar sobre o tema, e instruir tanto meninos quanto meninas de que o sexo deve ser seguro e na hora certa. “Não vai ser com imposição de quando uma pessoa deve começar a vida sexual que nós vamos ajudar, mas podemos orientar sobre as consequências, sobre prevenção”, comenta a ginecologista Tatiana Serra.

O “Papo Reto” é uma das iniciativas da campanha de instrução para os jovens, idealizado pela Cassems. Nele, os adolescentes atendidos pelo plano se reúnem para rodas de conversa médicos e psicólogos, para conversar sobre as vivências da adolescência, como os perigos do uso de drogas, sexualidade, saúde mental e física.

“São 24 mil adolescentes na Operadora, a maioria em Campo Grande. Durante a infância, são acompanhados na Pediatria. No entanto, no período da adolescência, há um afastamento dos cuidados com a saúde. Algumas jovens ainda vão ao ginecologista, em decorrência da menstruação, mas os meninos só voltam à ir ao médico na vida adulta, geralmente, na Urologia. Precisamos cuidar dos nossos adolescentes”, pontua a diretora de Assistência à Saúde da Cassems, médica ginecologista e obstetra, Maria Auxiliadora Budib. 

Em maio, a Cassems também vai lança o “Pode Crê!”, uma linha de cuidados para adolescentes na Clínica da Família de Campo Grande. Com o novo programa de atendimentos, os beneficiários adolescente também terão acesso facilitado a profissionais da saúde.

Além das redes de apoio a Caixa de Assistência dos Servidores também possui os programas Casal Grávido e Gravidez de Risco, que está sempre à disposição para orientar e dar assistência aos beneficiários.

 

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions