A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 25 de Abril de 2019

24/10/2018 11:53

Com “passarinhada”, evento da Prefeitura deve trazer turistas para a Capital

Administração lançou, nesta quarta-feira, evento Avistar Brasil, que ocorre na Capital entre os dias 23 e 25 de novembro

Izabela Sanchez e Mayara Bueno
Prefeito Marquinhos Trad (PSD) participou do lançamento do evento que ocorre em novembro (Mayara Bueno)Prefeito Marquinhos Trad (PSD) participou do lançamento do evento que ocorre em novembro (Mayara Bueno)

Campo Grande tem 350 espécies de aves diferentes e vai celebrar, em novembro, a arte de apreciar os pássaros. Lançado nesta quarta-feira (24) pela Prefeitura da Capital, o “Avistar Brasil” ocorre entre os dias 23 e 25 de novembro. Parceira do evento, a administração espera atrair mais turistas para a cidade.

O lançamento teve a presença de representantes da administração e pessoas ligadas aos setores de turismo e ecologia. Os dias de programação devem contar com palestras, oficinas, cursos de como fotografar aves e o mais esperado é a “Passarinhada”, observação dos pássaros que ocorre no Parque das Nações e em outros pontos da cidade.

A inscrição para o Avisar pode ser feita pelo site avistarbrasil.com.br e custa entre 20 e 50 reais. Titular da Sectur (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo), Nilde Brum é uma das palestrantes do evento. Ela afirma que a cidade deve estar preparada para receber eventos desse porte.

A melhora da infraestrutura, explicou, pode atrair mais turistas e é responsabilidade da administração e do setor privado. Este ano, explicou, 20 mil pessoas visitaram Campo Grande e a expectativa é que, no próximo ano, esse número dobre. A Capital, afirma a secretária, é ponto de passagem para quem visita Bonito ou a região do pantanal, e tem potencial para se tornar, também, destino turístico.

“É uma luta constante para trazer mais investimentos”. A secretária explicou que o evento já ocorreu outras vezes, em Mato Grosso do Sul e São Paulo, mas é a primeira vez que ocorre com realização da Prefeitura.

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) lembrou que Mato Grosso do Sul e Bahia são os únicos Estados cujas Capitais têm aves como símbolo das bandeiras. O prefeito ressaltou a importância, para os pássaros, do decreto que proíbe fogos de artifício em eventos da Prefeitura.

“Foi um ponto importante. Um próximo passo é alguma medida em relação aos edifícios, porque há notícias de que muitos se chocam e morrem”, comentou o prefeito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions