A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

27/04/2015 09:14

Comerciantes temem queda nas vendas com corredor na Bandeirantes

Alan Diógenes
Motoristas pedem recapeamento na avenida cheia de buracos e trepidações. (Foto: Marcelo Calazans)Motoristas pedem recapeamento na avenida cheia de buracos e trepidações. (Foto: Marcelo Calazans)
Rogério disse que com corredor de ônibus comércio vai falir. (Foto: Marcelo Calazans)Rogério disse que com corredor de ônibus comércio vai falir. (Foto: Marcelo Calazans)

Após saberem da abertura da licitação pela prefeitura da Capital para implantar um corredor de ônibus na Avenida Bandeirantes, os comerciantes estão preocupados com a falência do comércio na região. Eles temem o sumiço dos clientes com o novo projeto.

O vendedor Rogério Grange de Souza, 62 anos, prevê que vai acontecer a mesma coisa que aconteceu na Rua Rui Barbosa. “Há alguns anos atrás aquela rua era cheia de lojas, foi só eles colocarem o corredor que o comércio acabou. Poucos estabelecimentos ficaram abertos e lutam para permanecer no local”, mencionou.

O vendedor também chama a atenção para outro fato. “A Bandeirantes é uma avenida muito estreita, não tem como colocar corredor de ônibus. Sem falar que o fluxo de veículos é intenso no local e isso pode atrapalhar ainda mais o trânsito que já é caótico”, comentou.

O proprietário de uma auto-elétrica na avenida disse que a prefeitura deveria se preocupar com outros fatores que envolvem a avenida. “Entra prefeito e sai prefeito e a avenida continua cheia de buracos e com trepidações, só fica em promessa mesmo. Isso aqui precisa é de recapeamento, de sinalização adequada e faixas”, apontou Nilson Cortonez,46.

O aposentado Ademir Morilha, 61, acredita que não existe solução para avenida. “Vai ter que arrancar esse asfalto e fazer outro. Recapeamento só não vai adiantar. É horrível trafegar por aqui tem muito buraco e a gente tem que andar devagar. Faz anos já que a avenida é assim e ninguém faz nada”, finalizou.

A implantação do corredor de ônibus é a primeira obra do PAC Mobilidade (Programa de Aceleração do Crescimento) , que prevê recursos de R$ 28,8 milhões. Nesta etapa, serão recapeadas as avenidas Bandeirantes, no trecho entre o terminal Bandeirantes/avenida Afonso Pena (3,87 quilômetros) com R$ 11,8 milhões em recursos.

O corredor exclusivo sudoeste terá início no Terminal Aero Rancho, seguindo pela avenida Marechal Deodoro. Continuará pela avenida Bandeirantes, entra na Afonso Pena e segue até o Shopping Campo Grande, onde retorna pela outra pista, seguindo até em frente do Circular Militar, na rua Guia Lopes. De lá, passará pela rua Brilhante até atingir o Terminal Bandeirante e o Aero Rancho (pela avenida Marechal Deodoro).

Nilson falou que recapeamento da avenida só fica em promessa feita por prefeitura. (Foto: Marcelo Calazans)Nilson falou que recapeamento da avenida só fica em promessa feita por prefeitura. (Foto: Marcelo Calazans)
Ademir falou que é preciso trafegar devagar na avenida devido aos buracos. (Foto: Marcelo Calazans)Ademir falou que é preciso trafegar devagar na avenida devido aos buracos. (Foto: Marcelo Calazans)
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions