A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

04/05/2016 07:53

Denúncia leva polícia a prender quadrilha com 734 kg de maconha

Viviane Oliveira
Quadrilha foi presa com drogas e carros, um deles roubado no Estado de São Paulo. (Foto: divulgação/PM) Quadrilha foi presa com drogas e carros, um deles roubado no Estado de São Paulo. (Foto: divulgação/PM)

Denúncia anônima levou a Polícia Miliar a prender uma quadrilha com mais de 734 quilos de maconha, na noite de ontem (3), na Rua Abaúna, no Jardim Santa Emília, em Campo Grande.

Os detidos foram Joel dos Santos, 31 anos, Diego Nogueira Neves, 22 anos, Maicon Ribeiro da Silva, 29 anos, Luciano Ivo Bernardes da Silva, 43 anos, e Natália Bernardes Nogueira, 18 anos. Com eles, a polícia aprendeu também dois carros, um veículo Ônix, de cor prata, uma Captiva Sport e uma caminhonete S-10, de cor preta, além de celulares, documentos falsos e dinheiro.

Conforme boletim de ocorrência, o primeiro a ser abordado foi Joel, que conduzia a S10, na Avenida Panambivera. Em seguida, foram identificados quatro pessoas que estavam no veículo Ônix, que tinham ligação com Joel.

Durante conversa com os suspeitos, cada um deu uma versão diferente por estar na cidade, mas Joel acabou dizendo o endereço de um casa na Rua Abaúna, onde o grupo estava ficando. Os policiais foram até o local e encontraram a residência vazia, mas no fundo foi localizada a Captiva com grande quantidade de maconha. O carro encontrado com o entorpecente havia sido roubado no Estado de São Paulo.

À polícia, os suspeitos acabaram confessando envolvimento e contaram como parte do esquema funcionava. Luciano e Natalia ganharia R$ 7 mil para desempenhar a função de batedor com o veículo Ônix. Já Maicon e Diego, que pegaram a Captiva com a maconha na cidade de Laguna Carapã, receberiam R$ 6 mil para levar a droga até Goiânia.

Eles só pararam em Campo Grande, porque a Captiva apresentou problema mecânico. A quadrilha foi presa e vai responder por tráfico de drogas, associação criminosa, falsidade ideológica, receptação e documentos falsos. Já Maicon e Diego eram foragidos do semiaberto.

Abstenção em concurso da Câmara Municipal da Capital passa dos 30%
O domingo (17) foi de provas para milhares de campo-grandenses, tanto na manhã como no período da tarde, no concurso da Câmara Municipal, que segundo...
Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions