A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

15/04/2013 11:06

Depois de festa, limpeza de bar na avenida causa polêmica na Capital

Luciana Brazil
Os responsáveis pelo bar acreditavam que a limpeza seria feita pela Prefeitura. (Fotos:Marcos Ermínio)Os responsáveis pelo bar acreditavam que a limpeza seria feita pela Prefeitura. (Fotos:Marcos Ermínio)
Apesar da polêmica, a limpeza foi feita no local.Apesar da polêmica, a limpeza foi feita no local.

A festa de ontem realizada em comemoração ao aniversário de um ano do bar Lendas Pub, na avenida Mato Grosso, em Campo Grande, resultou em muita sujeira espalhada pela rua, na manhã de hoje. O trecho da avenida, em frente ao bar, foi interditado para a realização do evento. Hoje, logo nas primieras horas do dia, garrafas e copos compunham a paisagem de uma das principais ruas da cidade.

Apesar dos oito tambores espalhados pelo local, sendo de 200 litros cada um, a sujeira foi inevitável. O advogado do bar, Evandro Chaves, esperava que a limpeza fosse feita pela empresa CG Solurb, que recolhe o lixo da cidade. “Assim como acontecem nas feiras livres, onde a Prefeitura limpa no dia seguinte, achei que aqui fosse ser a mesma coisa”.

A assessoria de comunicação do bar reforçou o argumento e lembrou que a Prefeitura, por meio da empresa responsável, costuma fazer a limpeza de locais públicos após grandes eventos, como feiras e shows.

Evandro explica que, apesar de esperar a limpeza municipal, contratou uma pessoa para recolher os produtos recicláveis. O contratado, Ubiraci Dalmati, 57 anos, já havia recolhido seis sacos de lixo quando a equipe do Campo Grande News chegou ao local, por volta das 9h. O problema é que ele deveria ter chegado às 5 horas. Chateado, ele contou que teve um problema de saúde com o filho e acabou estragando o combinado.

“Meu filho tem problema de rim e passou mal hoje de manhã. Era para eu ter vindo às 5 horas da manhã. Eu fiquei de limpar, é não precisa de muita gente pra isso. Faço isso bem rápido”, explica.

Evandro contou que foi o primeiro evento deste porte a ser realizado pelo bar. Segundo ele, apesar do lixo, a festa estava de acordo com a lei. “Pagamos todas as taxas necessárias e todos os compromissos que assumimos, nós cumprimos”.

O show, que deveria encerrar até as 22 horas, terminou às 21h30. “Não teve nenhuma briga, nenhuma confusão”, disse Ubiraci. Ele também ficou responsável por cortar a grama do canteiro central da avenida, preparando o espaço para a festa. “A grama estava alta e ontem (domingo) vim cedo para deixar tudo arrumadinho”.

Para Chaves, a festa foi um sucesso. “Até os policiais disseram que o público era bem comportado”. O bar contratou 16 seguranças particulares para garantir a tranquilidade dos que estavam na festa.

Na vizinhança não houve reclamação por causa da sujeira, como apurou a reportagem. O responsável pela única empresa em Campo Grande que recolhe vidro para reciclagem, Giberto Sanches, fez questão de ressaltar a preocupação do dono do bar. "Ele é o único que se importa com a questão ambiental na cidade. Desde que o bar abriu eu recolho as garrafas que ficam no bar".

Hoje cedo, uma equipe da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) esteve em frente ao bar. O motivo da visita foi uma denúncia. “Eles disseram que havia uma denúncia da sujeira. Mas como já estava tudo sendo limpo, não havia nada que pudesse ser feito. Já estava tudo certo”, contou Evandro.

A intenção foi a melhor, segundo Evandro. “Como munícipe, pagador de impostos, eu acredito que a limpeza deveria ser feita pela empresa que recolhe o lixo. Honestamente, não tinha experiência exata deste tipo de evento, mas agora a gente já sabe”.

Evandro acredita que pelo menos 1,5 mil pessoas prestigiaram o aniversário do bar, aberto em março de 2012. 

Com forte dores, mulher reclama de falta de atendimento em UPA
Mesmo apresentando fortes dores e inchaço na região do estômago, sem conseguir comer a três dias, uma mulher que procurou atendimento na UPA (Unidade...
Problema rotineiro, chuva causa alagamentos no bairro Cidade Morena
A chuva que atingiu Campo Grande no fim da tarde deste domingo (17) causou vários problemas à população, desde alagamentos a problemas estruturais em...
Mulher é atropelada pelo ex-marido e está em estado grave na Santa Casa
Uma mulher de 33 anos foi atropelada pelo ex-marido e está internada em estado grave na Santa Casa de Campo Grande, sedada e entubada na CTI (Centro ...


Em Campo Grande deveria ser como no Rio, multa pra quem jogar lixo na rua. Mas se a polícia não fica esperta pra cumprir nem a Lei Seca em porta de balada, quem dirá pra uma coisa dessas... De que adianta um público 'comportado' mas imundo?
 
Thaysa Freitas Figueiredo em 15/04/2013 20:26:51
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions