A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

11/02/2016 15:49

Dia D contra a dengue vai mobilizar 2 mil militares sábado na Capital

Flávia Lima
Militares estudam mapa de regiões da Capital para definir estratégia de visitas. (Foto:Divulgação)Militares estudam mapa de regiões da Capital para definir estratégia de visitas. (Foto:Divulgação)

Pelo menos dois mil militares devem participar neste sábado (13), do Dia D contra a Dengue, como parte da programação nacional de combate ao Aedes Aegypti que acontecerá em todas as capitais. Em Campo Grande, as ações ocorrem das 8 até as 16 horas, com a participação dos funcionários da secretaria municipal de Saúde, além de militares do Exército, Marinha e Força Aérea Brasileira.

missão dos militares será de visitar residências e comércios buscando contato com os responsáveis para conscientizar sobre a importância de ficar atento aos possíveis criadouros, eliminando os focos.

Os militares serão mistas, compostas por dez militares e dois agentes de saúde. O dia D de combate a dengue é uma determinação do Ministério da Defesa e vai ocorrer em 356 municípios do País. 

A mobilização foi definida a partir do aumento de ocorrências de casos de microcefalia relacionados ao Zika Vírus em todas as cidades do país. Durante o dia, o Comando do Exército na Capital irá transmitir três relatórios sobre a ação, para Brasília. 

 

Na Capital, as ações irão consistir em blitz educativas na Praça Ari Coelho, Mercado Municipal, Praça do Rádio Clube, cruzamento das ruas 14 de Julho com a Barão do Rio Branco e na Avenida Afonso Pena em frente ao Shopping Campo Grande.

O coordenador do Centro de Controle de Endemias e Vetores (CCEV), da Secretaria Municipal de Saúde, Alcides Ferreira destacou a importância da parceria com o Exército Brasileiro e ressaltou que em cada região estabelecida para realização do dia D, haverá um supervisor de área para apoiar as ações dos militares.

"Esta parceria com o Exército vem acontecendo desde dezembro e esta ação reforça o trabalho que estamos fazendo para combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti em Campo Grande”. Ao todo, 24 bairros da Capital receberão a visita das equipe no sábado.   



Alguém consegue explicar porque nao se usa a aviação agricola para o exterminio dos mosquitos?
 
Valmir Guarinão em 11/02/2016 17:10:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions