A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 25 de Abril de 2019

03/01/2019 09:51

Emissão de CNH com microchip é adiada para 2022, conforme Contran

Resolução foi alterada para Detrans do país todo se adequarem

Mirian Machado
Nova CNH terá microchip com informações do motorista (Foto: Divulgação/ Denatran)Nova CNH terá microchip com informações do motorista (Foto: Divulgação/ Denatran)

A nova CNH (Carteira Nacional de Habilitação) Digital prevista para começar a valer no dia 1º de janeiro de 2019 foi adiada, conforme resolução 747/18 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), para 2022.

Segundo a nova alteração da resolução, “os órgãos e entidades executivos de trânsito dos Estados e do Distrito Federal deverão adequar seus procedimentos para a adoção do modelo da CNH até dia 31 de dezembro de 2022”.

Na parte de trás, informações e observações complementares (Foto: Divulgação/Denatran)Na parte de trás, informações e observações complementares (Foto: Divulgação/Denatran)

Esse tempo é para que os órgãos se organizem para emitir o novo documento que deverá ser de plástico no formato aparentemente de um cartão de débito/crédito. Haverá também um microchip com todas as informações do condutor gravadas a laser.

O objetivo é evitar possíveis fraudes e também aumentar a durabilidade do documento, além de possibilitar a integração com outros países.

A expectativa com o novo documento é que (no futuro) possa servir para pagamento de pedágios ou transportes públicos, controles de acessos a prédios públicos e identificação biométrica, tudo através de convênios entre entidades públicas ou privadas com autorização.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions