A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

15/03/2015 08:30

Endividada, ONG pode fechar e procura novo lar para cachorros

Aline dos Santos
Ong recolhe animais abandonados e tenta adoção.Ong recolhe animais abandonados e tenta adoção.

Endividada, a ONG Vira-Latas MS está preste a fechar as portas em Campo Grande e procura um novo lar para 34 animais. Com dívida de R$ 16 mil, a entidade recorre a bingos, rifas, almoços es bazares, contudo, há tempos arrecada bem menos do que o necessário.

Segundo a diretora de comunicação da ONG, Maria Cristina Freitas, a média de doações caiu de R$ 2 mil para R$ 400 por mês. “As pessoas têm a tendência de ajudar um mês e acham que no outro não é necessário. Mas não é assim. Os animais continuam precisando de alimentação, consulta, veterinário”, afirma.

Para o custeio do canil, instalado em um imóvel cedido, é necessária a quantia mínima de R$ 4 mil. Com doações sempre aquém do necessário, as contas somam R$ 16 mil. Somente com clínica veterinária, o débito chega a R$ 14 mil.

“Estamos tentando manter aberto. Mas a tendência é fechar se não pagar essas dívidas. Tem que conseguir patrocínio de empresa, de uma pessoa que tenha condições financeiras de disponibilizar um valor mensal. Dependendo somente das doações, não tem como manter um local daquele”, diz Maria Cristina.

Em busca de recursos para pagar as contas de água e luz, que somam R$ 576, a ONG fará um brecho solidário, com venda de roupas, calcados, artesanato, bijuterias e livros.

Também é preciso achar novos endereços para os cachorros. A dificuldade é encontrar lar para os cães adultos, pois a maioria só aceita os filhotes. A ONG não divulga o endereço. “As pessoas falam que quer ajudar, adotar. Mas acontecia de deixar animais amarrados lá na frente”, relata.

O brechó solidário acontece das 9h às 16h do próximo sábado, dia 14, na rua Araguaiana,126, Vila Sobrinho (atrás do Comper Tamandaré).

Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions