ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, QUINTA  13    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Família ainda tenta entender o que causou morte de menina de 3 anos

Menina chegou intubada no Hospital Universitário, em estado considerado gravíssimo

Izabela Cavalcanti e Mariely Barros | 31/03/2023 11:36
Ambulância saindo do Hospital Universitário, em Campo Grande (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Ambulância saindo do Hospital Universitário, em Campo Grande (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

A família da menina, de 3 anos, que morreu com suspeita de dengue grave, ainda tenta entender o que motivou a situação. A amostra de sangue foi colhida e a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) investiga a causa, junto ao HU (Hospital Universitário).

Durante o velório da criança, o pai, José Castillo, de 30 anos, apenas respondeu ao Campo Grande News que o “exame não deu nada”. Além disso, informou que ela não estava com sintomas de dengue e que sentia dor de barriga.

Primeiro, a criança foi atendida na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Capital, mas morreu no HU, na noite de quinta-feira (30).

De acordo com o HU, a menina chegou intubada, em ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), em estado considerado gravíssimo.

A Semed (Secretaria Municipal de Educação) emitiu nota de pesar pelo falecimento da garotinha. Ela estudava em uma Emei (Escola Municipal de Educação Infantil), na Vila São Jorge da Lagoa.

Nota de pesar da Semed pelo falecimento da criança, que estudava em Emei (Foto: Divulgação/Semed)
Nota de pesar da Semed pelo falecimento da criança, que estudava em Emei (Foto: Divulgação/Semed)


Nos siga no Google Notícias