A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2020

18/01/2020 15:09

Força-tarefa visita 19 mil imóveis e elimina mil focos do mosquito da dengue

Na ação, foram removidos 19.217 potenciais criadouros do mosquito, como latas, garrafas, recipientes plásticos e sacolas

Aline dos Santos
Agentes percorreram cidade em busca de focos do mosquito Aedes aegypti. (Foto: PMCG)Agentes percorreram cidade em busca de focos do mosquito Aedes aegypti. (Foto: PMCG)

Mil focos do mosquito da dengue foram eliminados em três dias por força-tarefa em Campo Grande. Os agentes percorreram 19 mil imóveis em toda a cidade nesse período. O Aedes aegypti é transmissor da dengue, zika e febre chikungunya.

Na ação, foram removidos 19.217 potenciais criadouros do mosquito, como latas, garrafas, recipientes plásticos e sacolas. De acordo com o site de notícias da prefeitura, 80% dos focos ainda estão localizados dentro das residências.

“As pessoas têm a falsa impressão de que o problema é o terreno baldio perto da casa dela, mas não é. O risco mesmo está dentro de casa. Portanto, o cuidado nunca é demais. Se cada um tirar uns cinco minutinhos no final de semana para dar uma olhadinha no seu quintal, certamente estará contribuindo e muito para a sua própria segurança”, afirma Lourival Pereira Araújo, assessor técnico da Coordenadoria de Controle de Endemias Vetoriais.

Desde o início do ano, foram 284 notificações de dengue e um óbito confirmado. Também já foram registradas três notificações de zika e uma de chikungunya, que ainda passam por avaliação laboratorial. Em 2019, Campo Grande teve 39.417 casos notificados de dengue, sendo 19.647 confirmados e oito óbitos.

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions