A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

14/03/2013 13:15

Governador determina "tolerância zero para bandidagem" na Capital

Luciana Brazil
Podem ser deliquentes do roubo querendo se mostrar, mas já temos pista e a prioridade é tolerância zero para bandidagem”, diz Pucinelli. (Foto:Marcos Ermínio)"Podem ser deliquentes do roubo querendo se mostrar, mas já temos pista e a prioridade é tolerância zero para bandidagem”, diz Pucinelli. (Foto:Marcos Ermínio)

O governador André Pucinelli (PMDB) deu carta branca ao secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, no combate ao crime em Campo Grande. Depois de sete ataques, onde bandidos atearam fogo em veículos na região central da Capital, ele afirmou que a prioridade no momento é “tolerância zero para bandidagem”.

“Eu lhe dei total autonomia para coibir a bandidagem”, disse na manhã de hoje durante evento na Assembleia Legislativa, que teve a presença do ministro da Pesca, Marcelo Crivella.

Pucinelli lembrou que os ataques podem, ou não, terem sido praticados por integrantes do crime organizado. “Podem ser deliquentes do roubo querendo se mostrar, mas já temos pista e a prioridade é tolerância zero para bandidagem,", prometeu.

O governador recebeu a notícia em Brasília, onde cumpria agenda pública. “Eu estava em Brasília e cheguei ontem à noite, soube por telefone. E ainda não estive com o secretário, mas já lhe dei carta branca”.

Caso: Na noite de ontem cinco veículos foram incendiados na região central da cidade. O primeiro caso registrado foi um Palio, em frente a Igreja São José, na Rua Pedro Celestino.

Na mesma via, entre a Avenida Afonso Pena e a Rua 15 de Novembro, uma Blazer branca e um Eco Sport prata também foram queimados. O quarto foi um Uno branco, na Avenida Afonso Pena, perto da Rua José Antônio. E o último veículo foi um Aircross Citröen, que estava estacionado na rua 7 de Setembro, em frente ao Shopping 26 de Agosto.

O primeiro veículo queimado foi uma carreta, na madrugada de quarta-feira, na Praça do Rádio. O sétimo, ainda não confirmado pela Policia, foi outro automóvel, na madrugada de hoje, no Jardim São Bento.



É isso aí meu governador: Tolerância ZERO! Falou tudo, a sociedade não pode ficar a merce de bandidos, bala neles porque prender de nada adianta; além de gastar nosso dinheiro com pessoas que não merecem, saem da cadeia e aprontam novamente. Pucinelli é o cara. Viver com medo é um absurdo, e ter nosso patrimônio na maioria das vezes conseguido com muito esforço e dedicação, destruído por vândalos é inadmissível.
 
Denise Barros em 14/03/2013 18:55:27
temos um governador de atitude parabens pucinelli pela atitude aqui nao é sao paulo nem rio de janeiro bala neles
 
valtemir jose dos santos em 14/03/2013 18:07:13
O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, CHEFE SEGURANÇA NACIONAL, GOVERNADORES, SEGURANÇAS ESTADUAIS E PREFEITOS DA SEGURANÇA MUNICIPAL, TEM QUE SER ENÉRGICO, NÃO PODE BRINCAR, NÃO PODE DEIXAR DESOBEDIENTES, CONTAMINAR A SOCIEDADE, O GOVERNO É FORTE, POIS REPRESENTA DEUS, E OS LADRÕES, SÃO FRACOS, PORQUE REPRESENTAM O diabo, QUE ESTÃO QUEIMADOS, DERROTADOS EM NOME DE DEUS E JESUS, DEUS ABENÇOE, ANDRÉ, NÃO DE MOLEZA E TEM O APOIO DA SOCIEDADE, QUE DEUS ABENÇOE, E OS LADRÕES, PROCUREM UM ALTAR DE DEUS, REZEM, OREM, PARA NÃO PERDEREM SEUS SANGUES PARA O diabo velho, voltem para DEUS, ele esta esperando vocês, ele ama vocês, as bênção de DEUS, tome conta dos vossos pensamentos, peçam ajuda nas IGREJAS, EVANGÉLICAS, E NAS CATÓLICAS TAMBÉM, FALEM COM OS PADRES E PASTORES.
 
PEDRO BRAGA em 14/03/2013 17:39:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions