A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

23/09/2015 07:18

Grupo é preso por fabricar documentos falsos para dar golpes em lojas

Filipe Prado

Uma quadrilha de São Paulo foi presa no começo da tarde de ontem (22), na Vila Marcos Roberto, por produzir documentos de identidade falsos. Kleber da Silva Rodrigues, 24 anos, Wagner Tadeu Caseiro, 35, e Ewerton Cavasso Rosa, 26, usavam os documentos para praticar golpes contra lojas de Campo Grande.

Conforme o registro policial, a casa onde a quadrilha estava, na Rua Rio Branco, foi monitorada por alguns dias. Nesta terça-feira, quando os autores saíam da residência, a polícia os abordou, percebendo que eles destruíram dois chips telefônicos e rasgaram um documento de identidade, ainda agindo de forma suspeita.

Os autores afirmaram que são de Presidente Prudente (SP) e teriam chegado em Campo Grande neste momento. Porém a polícia mandou que eles os levassem até a casa de onde tinha saído.

No local foram encontrados vários materiais usados para falsificação de documentos, como scanner, notebook, impressora, cartões de créditos, chips telefônicos e documentos, sendo CNHs, carteiras de trabalho e RG (Registro Geral). Eles foram detidos e encaminhados para a Derf (Delegacia Especializada em Repreensão a Roubos e Furtos).

A quadrilha confessou que estavam em Campo Grande há 30 dias, cometendo vários golpes a, pelo menos, três empresas, sendo a Loja Renner, operadora Claro e banco Santander, planejando cometer outros crimes.

Os autores possuem passagens pela polícia por estelionato, tráfico de drogas e associação para o tráfico.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions