A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Abril de 2019

27/01/2019 12:18

Homem morre e suspeita é de overdose no 2º caso registrado em 12 horas

Na manhã de ontem (26), um jovem de 21 anos também morreu após uso prolongado de cocaína e energético

Viviane Oliveira

Em menos de 12 horas, dois homens de 21 e 40 anos com histórico de uso de droga passaram mal com fortes dores no abdômen e morreram. A suspeita é de overdose de cocaína em ambos os casos registrados ontem (26) na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento) Centro. 

Conforme boletim de ocorrência, familiares do homem mais velho relataram que ele tinha problemas com a Justiça em razão de condenação por furto. Constantemente, ficava preso no Presídio de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, mas quando ganhava liberdade não cumpria as determinações judiciais e voltava para a cadeia.

Ele tinha problema com drogas e há 2 anos pediu ajuda aos familiares para conseguir se livrar do vício. O homem chegou a ficar internado fazendo tratamento contra dependência química por mais de três meses. Ao deixar o tratamento, teve que tomar remédios controlados por causa da esquizofrenia ocasionada pelas drogas.

Ontem, a mulher dele mandou WhatsApp para a família informando que o marido teve uma recaída e havia saído de bicicleta em busca de entorpecente. Por volta das 13h, ele retornou passando mal com dores no abdômen, reclamou do calor e pediu tereré. Mesmo assim pegou uma enxada e começou a capinar o quintal. Na sequência, saiu para comprar uma lima e retornou com um amigo.

Ao voltar a capinar, sentiu dores novamente e pediu que fosse levado ao posto de saúde Tiradentes. Ele, então, saiu a pé em direção à casa do irmão, que fica na região, e ao atravessar a Avenida Ministro João Arinos começou a passar mal e caiu. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado. Foram feitas manobras de reanimação por mais de 28 minutos, mas sem sucesso. Segundo o médico, a suspeita é de que a vítima tenha morrido de overdose de cocaína.

Um pouco antes, na manhã de sábado, o rapaz de 21 anos morreu após uso prolongado de cocaína e energético. Ele não teria consumido bebida alcoólica, mas a irmã dele confirmou a aspiração da droga e consumo do líquido estimulante.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions