A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Abril de 2019

17/01/2019 08:06

Homens foram executados a tiros de pistola 9 milímetros em emboscada

Crime aconteceu na noite de ontem próximo a uma praça no cruzamento das ruas San Martin com a Dona Zulmira

Viviane Oliveira e Bruna Pasche
Carro bateu em poste e  ficou com a frente destruída (Foto: Direto das Ruas) Carro bateu em poste e ficou com a frente destruída (Foto: Direto das Ruas)

Foram identificado como Vitor Gabriel Pinheiro, 18 anos, e Deynner Araújo do Prado, 25 anos, os homens executados a tiros de pistola 9 milímetros durante emboscada. O caso aconteceu na noite de ontem (16), na Rua San Martin, no Bairro Tiradentes.

O adolescente de 14 anos que sobreviveu ao atentando foi ferido com tiro no joelho. Ele foi socorrido por terceiros ao posto de saúde da região e na sequência transferido à Santa Casa. Ainda não há informação sobre o estado de saúde dele. 

Conforme o delegado José Roberto de Oliveira, que atendeu a ocorrência, Deynner dirigia uma picape Saveiro branca e tinha como passageiros Vitor Gabriel e o adolescente, quando o carro foi perseguido por atiradores em uma motocicleta preta.

O alvo, segundo a polícia, era Vitor Gabriel que provavelmente conhecia os atiradores, pois foi até o local negociar uma arma. “Eles foram atraídos para uma praça na Rua San martin com a Dona Zulmira. Ao chegar nesse cruzamento, o carro foi alvejado”. Foram recolhidos no local oito projéteis de pistola 9 mm.

O carro que Deynner dirigia foi alvejado por pelo menos 8 disparos (Foto: reprodução/Facebook) O carro que Deynner dirigia foi alvejado por pelo menos 8 disparos (Foto: reprodução/Facebook)
Vitor Gabriel, segundo a polícia, era o alvo dos atiradores (Foto: reprodução/Facebook) Vitor Gabriel, segundo a polícia, era o alvo dos atiradores (Foto: reprodução/Facebook)

O motorista ainda tentou fugir, mas ao ser baleado perdeu o controle da direção e colidiu contra um poste, que ficou danificado e precisou ser substituído. A região chegou a ficar sem energia. Vitor foi atingido por quatro tiros, sendo na mão direita, no peito e no rosto. Deynner foi morto com um disparo.

Segundo o delegado, o adolescente só não morreu, provavelmente, porque não foi visto pelos atiradores. O carro tem insulfilm. Vitor tinha passagem pela polícia por tráfico de droga e roubo. O adolescente era fichado por tráfico de drogas. Deynner trabalhava no comércio do pais e não tinha passagem. Com Vitor foram encontrados R$ 700. “Há indícios de que o dinheiro era do tráfico de drogas”, diz o delegado.

De acordo com testemunhas, as vítimas foram surpreendidas próximo ao Asilo São João Bosco. Um deles passou atirando, principalmente em direção a cabeça das vítimas. Assim que identificados, os autores vão responder por homicídio qualificado pela emboscada e motivo fútil. A picape não pertencia a nenhuma das vítimas. O proprietário do veículo já foi identificado e será ouvido pela polícia. O carro não tem registro de furto, nem de roubo. 

Policiais do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) e Choque fizeram buscas na região, mas não conseguiram encontrar os suspeitos. Os corpos das vítimas foram levados para o Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal). 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions