A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

27/07/2015 07:32

Incêndio acabou com o sonho de auxiliar de serviços ter veículo próprio

Filipe Prado e Luana Rodrigues
A parte interna do veículo foi destruída (Foto: Marcos Ermínio)A parte interna do veículo foi destruída (Foto: Marcos Ermínio)
Gislaine perdeu o carro em incêndio criminoso (Foto: Marcos Ermínio)Gislaine perdeu o carro em incêndio criminoso (Foto: Marcos Ermínio)

A auxiliar de serviços gerais Gislaine Santo Ferreira, 27 anos, revelou que havia gasto R$ 600 com o seu veículo e planejava pintá-lo, antes do incêndio que destruiu a parte interna do veículo Ford Corcel no Jardim Anache. Uma testemunha apontou que o incêndio seria criminoso.

A proprietária do veículo contou que o carro fica estacionado em frente à casa todos os dias, sendo que durante a madrugada, um caminhoneiro, desconhecido por ela, passou e percebeu que havia um rapaz, provavelmente um adolescente, sentado na calçada.

Ele continuou o caminho, mas desconfiou e ao olhar no retrovisor, percebeu que o carro estava pegando fogo e o suspeito havia fugido. Ele voltou, chamou Gislaine e ajudou a apagar as chamas.

A vítima revelou que comprou o carro em dezembro e estava realizando os consertos aos poucos, tendo reparado o motor e planejado realizar uma nova pintura no veículo, para depois ir ao Detran e transferir os documentos para o seu nome.

Gislaine assegurou que não desconfia quem seria o suspeito, pois mora há pouco tempo no bairro e não possui nenhuma inimizade. “A gente trabalha de dia e de noite, se dedica para comprar alguma coisa para chegar uma pessoa e em meia hora destruir”, lamentou.

A Polícia Militar do Pelotão Nova Lima foi acionada e realizou ronda pela região, mas até o momento o suspeito não foi encontrado. O caso foi registrado na DEPAC (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions