ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEXTA  25    CAMPO GRANDE 36º

Capital

Jefferson foi morto com tiro na cabeça, depois de briga com traficante

O crime ocorreu na Avenida Baobá, em frente a uma praça ampla com campo de futebol, a cerca de 80 metros da UPA

Por Geisy Garnes | 13/08/2020 15:23
Crime aconteceu em frente a praça ampla com campo de futebol (Foto: Henrique Kawaminami)
Crime aconteceu em frente a praça ampla com campo de futebol (Foto: Henrique Kawaminami)

Testemunhas contaram a polícia que Jefferson Aparecido Gonçalves, de 22 anos, foi baleado após brigar com um traficante durante negociação por droga, nas primeiras horas desta quinta-feira (13), na Vila Moreninha III, em Campo Grande. Com um tiro na cabeça, ele foi socorrido até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro, mas não resistiu.

O crime ocorreu na Avenida Baobá, em frente a uma praça ampla com campo de futebol, a cerca de 80 metros da UPA. Por isso, Jefferson foi socorrido por amigos logo depois de ser baleado, mas já chegou morto na unidade.

Policiais militares e investigadores do GOI (Grupo de Operações e Investigações) foram ao endereço e descobriram que o crime aconteceu durante uma briga. Uma testemunha contou as equipes que o traficante, conhecido em toda a região, chegou ao local para conversar com Jefferson. Os dois, no entanto, se desentenderam durante a negociação por droga. A discussão logo evoluiu para agressão.

Depois da briga, o suspeito, que estava em um Corsa Classic, foi embora e nervoso, chegou a tentar atropelar um grupo de pessoas que estava na rua. Jefferson permaneceu ali com os amigos. Não demorou muito para o traficante voltar, desta vez em uma motocicleta preta. Uma nova discussão entre os dois começou.

No meio da confusão, o traficante sacou a arma e disparou contra Jefferson. O tiro o atingiu na cabeça. Ao Campo Grande News, moradores relataram ter ouvido o rapaz pedir socorro antes de ser levado para a unidade de pronto atendimento. Contaram também que sempre há movimentação pela venda e uso de drogas na avenida, especialmente na praça.

Conforme apurado pela reportagem, policiais civis e militares fazem busca pelo autor do crime. O caso é investigado como homicídio simples e foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.

Jefferson foi socorrido por amigos, mas chegou na UPA sem vida (Foto: Henrique Kawaminami)
Jefferson foi socorrido por amigos, mas chegou na UPA sem vida (Foto: Henrique Kawaminami)