A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

27/06/2018 12:00

Juiz impõe fiança de R$ 20 mil para liberar motorista que matou no trânsito

Além da fiança, Leonardo terá que colocar tornozeleira eletrônica. O acidente aconteceu nesta madrugada, no cruzamento entre as ruas da Paz e Paraíba

Geisy Garnes e Mirian Machado
Ainda era possível ver vestígios do acidente no cruzamento nesta manhã (Foto: Saul Schramm) Ainda era possível ver vestígios do acidente no cruzamento nesta manhã (Foto: Saul Schramm)

O motorista de 20 anos preso por embriaguez após causar o acidente que matou o motociclista Alexander Augusto da Silva, na madrugada desta quarta-feira (27) no cruzamento com as ruas da Paz e a Paraíba, será liberado após pagar fiança de R$ 20 mil e colocar tornozeleira eletrônica. A decisão é do juiz José Carlos de Paula Coelho e Souza.

Leonardo Sequeira Dussel passou por audiência de custódia nesta manhã, teve a liberdade provisória concedida e agora vai cumprir prisão domiciliar. Para isso, o juiz decretou o pagamento de R$ 20 mil de fiança e o monitoramento eletrônico do suspeito.

Segundo a decisão, Leonardo só poderá sair de casa entre as 6 horas a às 23 horas, de segunda a sexta-feira, conforme os horários de trabalho e faculdade do rapaz. Nos fins de semana e feriados, ele deverá ficar em casa.

Como medidas cautelares, o juiz ainda determinou a retenção da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) de Leonardo, proibiu o motorista de frequentar “bares, boates, casas de shows e quaisquer lugares onde haja venda de bebida alcoólica” e de sair da cidade sem autorização da justiça. O suspeito ainda deve comparecer em todos os atos do processo.

Conforme boletim de ocorrência, Leonardo seguia em um veículo Hyundai I30 pela rua Paraíba, quando no cruzamento com a Rua da Paz, sinalizado com semáforo, atingiu a motocicleta Honda CG Titan 150, conduzida por Alexander. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel) foi acionado, mas a vítima morreu no local.

À polícia, Leonardo alegou que o sinal estava verde para ele. O rapaz foi submetido ao teste de alcoolemia, procedimento adotado toda vez que ocorre acidente com morte, e o resultado foi positivo de 0,62 miligrama de álcool por litro de ar expelido dos pulmões. Ele foi preso em flagrante por conduzir veículo sob efeito de álcool e levado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

No cruzamento onde ocorreu a colisão há câmeras de segurança e as imagens poderão ajudar a polícia durante a investigação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions