A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

26/06/2018 11:21

Júri inocenta réu por participação em assassinato após briga generalizada

Crime aconteceu no dia 23 de agosto de 2014, por volta das 3h30, no Bairro Parque do Lajeado, região sul

Viviane Oliveira e Bruna Kaspary
Imagem do jovem no telão de quanto participou de audiência em data anterior (Foto: Saul Schramm)Imagem do jovem no telão de quanto participou de audiência em data anterior (Foto: Saul Schramm)

O júri inocentou Ivangelison Duarte Ajala, 22 anos, conhecido como Neném, julgado nesta terça-feira (26), por participação na morte de Kemis Rodrigues Andradres Rojas, 22 anos. O crime aconteceu há quase 4 anos, por volta das 3h30, no Bairro Parque do Lajeado, em Campo Grande.

Ivangelison não foi ao júri. Ele, que respondia ao processo em liberdade foi intimidado, mas não compareceu. O réu era acusado de coautoria no crime cometido pelo primo dele, Thiago Amaral da Silva, que foi julgado e condenado no ano passado a 8 anos de reclusão e 10 dias-multa.

A briga era entre Ivangelison e um dos amigos de Kemis, porém a vítima entrou no meio para apaziguar a situação, que acabou em briga generalizada. Uma terceira pessoa, então, foi chamar Thiago que se armou e chegou ao local atirando. A vítima foi baleada e morreu.

A partir do processo que julgou Thiago surgiu o nome de Ivangelison como coautor porque segundo testemunhas, no dia do crime ele gritou para o primo pegar uma barra de ferro (para atingir Kemis). Segundo a defesa e o promotor José Arturo Iunes Bobadilla Garcia, não há provas de participação do réu no crime. “Essa fala não foi comprovada e não tem como caraterizar a coautoria do rapaz no crime”, sustentou o promotor Gustavo Henrique Pinheiro da Silva. Ao final do julgamento, os jurados inocentaram o acusado. 

Caso - Segundo o Ministério Público Estadual, a vítima segurou Ivangelison pelas costas para apartar, o rapaz gritou para que seu primo Thiago Amaral da Silva pegasse um revólver. Thiago retornou armado e disparou em direção à vítima que foi atingida na região torácica. Depois do crime, os dois fugiram do local.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions