ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, TERÇA  01    CAMPO GRANDE 29º

Capital

"Mapa da Violência" na Capital detalhará crimes por bairro e será anual

Documento deverá ser apresentado com linguagem de fácil entendimento e irá guiar campanhas de conscientização

Por Aletheya Alves | 21/09/2020 13:08
Mapa da Violência irá reunir dados sobre principais delitos registrados em Campo Grande. (Foto: Arquivo/Marcos Maluf)
Mapa da Violência irá reunir dados sobre principais delitos registrados em Campo Grande. (Foto: Arquivo/Marcos Maluf)

Depois da criação do “Mapa da Violência” em Campo Grande ser aprovada pelos vereadores, a lei foi sancionada pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD) e divulgada no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta segunda-feira (21).

De acordo com a lei nº 6.504, o documento deverá conter dados divididos por área geográfica sobre crimes que foram cometidos por bairros, gerando um banco de dados disponível ao município.

Proposta por William Maksoud (PTB) e João César Mattogrosso (PSDB), a lei sofreu duas emendas para acrescentar relatório específico sobre delitos em relação a grupos de maior vulnerabilidade, como crianças, adolescentes, mulheres e idosos.

O relatório deverá ser apresentado anualmente com linguagem de fácil entendimento e, a partir dele, o poder público irá realizar campanhas de conscientização baseado nos crimes de maior ocorrência.

Caso o Poder Executivo queira acrescentar outros critérios na composição do documento, a lei permite a alteração.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário