A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 25 de Abril de 2019

07/11/2018 20:23

Maior evento de turismo da América Latina deve movimentar R$ 1,5 milhão

Estimativa é que AdventureNEXT reúna 400 participantes entre operadores e jornalistas especializados.

Anahi Gurgel
Participantes do evento estiveram presentes durante coletiva de imprensa, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, nesta tarde (07). (Foto: Paulo Francis)Participantes do evento estiveram presentes durante coletiva de imprensa, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, nesta tarde (07). (Foto: Paulo Francis)

Teve início nesta quarta-feira (07), em Campo Grande, o 1º Adventure NEXT Latin America – um dos maiores eventos voltados ao segmento de turismo ecológico e de aventura da América Latina. São mais de 400 profissionais envolvidos, entre receptivos locais, operadores e jornalistas nacionais e internacionais, que devem movimentar cerca de R$ 1,5 milhão durante três dias de programação.

Durante coletiva à imprensa, nesta tarde, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, o diretor-presidente da Fundtur (Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul), Bruno Wedling, ressaltou a magnitude de um evento com esse porte.

“Primeiro conseguimos vencer uma competição com Chile e Equador para sediar o evento. A conquista foi divulgada no final do ano passado e, desde então, nossas equipes realizaram um intenso trabalho de articulação para receber os participantes”, detalhou.

Bruno disse ainda que, dada a alta complexidade, o AdventureNEXT projeta internacionalmente as potencialidades turísticas não só de Mato Grosso do Sul do Brasil, mas de todo o Brasil. São mais de 20 países envolvidos, com foco na realização de negócios.

"O investimento no evento foi de R$ 1 milhão, mas espera-se arrecadar, somente durante a programação, entre hospedagem, alimentação e transporte dos participantes, aproximadamente R$ 1,5 milhão. Sem contar os ganhos a longo prazo resultantes dos negócios fechados nesses três dias", calcula. 

Diretor-presidente da Fundtur, durante entrevista na tarde de hoje (07). Foram cerca de 8 meses de intenso trabalho de nossas equipes para organizar um evento de alta complexidade. (Foto: Paulo Francis)Diretor-presidente da Fundtur, durante entrevista na tarde de hoje (07). Foram cerca de 8 meses de intenso trabalho de nossas equipes para organizar um evento de alta complexidade". (Foto: Paulo Francis)

“Turismo hoje no Brasil não é mais só praia, mas sim belezas culturais aliadas à cultura de cada região e, por esse motivo, é fundamental essa aproximação com os operadores, que foram escolhidos a partir de muita inteligência mercadológica”, afirma.

Gabriella Stowell, diretora da ATTA (Adventure Travel Trade Association), uma das parceiras do evento, disse que Mato Grosso do Sul está abrindo as portas para o mundo conhecer o turismo brasileiro.

“Será de extrema importância essa troca de experiências para incentivar, principalmente, a educação, a capacitação do segmento. Os empresários precisam entender que o turismo internacional é muito específico, exige demandas de mercado muito próprias",

O turismo doméstico já é bem desenvolvido, mas é necessário focar no internacional”, ressalta.

Gabriella Stowell tira foto com representante de pantaneiro, durante coletiva nesta tarde (07). (Foto: Paulo Francis)Gabriella Stowell tira foto com representante de "pantaneiro", durante coletiva nesta tarde (07). (Foto: Paulo Francis)

"Todo o trade turístico do Brasil precisa de um "aculturamento", ou seja, se adaptar aos novos conceitos desse ramo. Hoje, nosso Estado estpa muito voltadfo ao turismo de eventos e negócios. É necessário internacionalizar nossos agentes, com conhecimento de mais de um idioma, diversificar o tarifário, o atendimento, para receber turistas de todo o mundo", reforçou Marcelo Mesquita, presidente da ABIH (Associação Brasileira da Indústria de Hóteis) e do Conselho Estadual de Turismo.

Desde o dia 03 de novembro, participantes do evento, incluindo operadores e jornalistas de países europeus e da América do Norte, conheceram de perto atrativos turísticos das regiões de Bonito – Serra da Bodoquena, Pantanal e Campo Grande – Caminho dos Ipês. 

A agenda completa pode ser conferida AQUI.

O evento tem parceria também da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo).

 

Homem de 30 anos morre em hospital após ser espancado no centro
Anderson Gomes Martins, 30 anos, morreu ontem (24) na Santa Casa depois de ser espancado na região da antiga rodoviária, no centro de Campo Grande. O...
Dentistas são condenados a indenizar paciente em R$ 20 mil por negligência
Pai e filho, dentistas em Campo Grande, foram condenados pela 11ª Vara Cível a indenizar uma paciente em mais de R$ 20 mil por negligência em um impl...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions