A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

08/11/2011 21:30

Maratona no breu: escuridão toma conta de avenidas do Parque dos Poderes

Paula Maciulevicius

Mesmo com imponentes postes em determinados trechos, a iluminação fica somente por conta dos prédios públicos

Casal que caminha pela 1ª vez no Parque se espanta e questiona se o local é sempre assim. (Foto: João Garrigó)Casal que caminha pela 1ª vez no Parque se espanta e questiona se o local é sempre assim. (Foto: João Garrigó)

Caminhar, correr ou andar de bicicleta no Parque dos Poderes em Campo Grande já não é a mesma coisa de uns dias para cá. A escuridão tomou conta do lugar e ao cair da noite o perigo fica ainda mais à vista. O breu pode esconder ciladas no asfalto, representa risco de atropelamentos e pode e servir de reforço para ação dos assaltantes.

Mesmo com imponentes postes em determinados trechos, a iluminação fica somente por conta dos prédios públicos, como é o caso da Secretária de Obras, na avenida Desembargador José Nunes da Costa, logo após a primeira lombada.

Em uma parte que corresponde a 800 metros é quase impossível enxergar o que está logo à frente. Quem está no sentido oposto da secretaria não chega nem a ver que ali existe um resquício de iluminação.

O casal e Rafael Farias, de 20 anos, Rosivani Guedes, de 28, veio de Cuiabá e caminhava no Parque pela primeira vez.

“Eu estava pensando isso mesmo antes de vocês chegarem, é perigoso e os ladrões sabem que tem gente por aqui e podem aproveitar. Chega a assustar mesmo, será que é sempre assim?” pergunta Rosivani.

Além do receio de assalto a escuridão traz aos frequentadores do Parque também o medo de se machucar. Foi exatamente o que aconteceu com o professor de Geografia André Rocha, de 35 anos. Depois de torcer o pé ele teve de ficar “de molho” em casa, justamente pela falta de iluminação.

De longe, o grupo pediu para que falasse da luz, ou melhor da falta dela. (Foto: João Garrigó)De longe, o grupo pediu para que falasse da luz, ou melhor da falta dela. (Foto: João Garrigó)
Professor de Geografia se machucou ao passar por trecho sem iluminação. (Foto: João Garrigó)Professor de Geografia se machucou ao passar por trecho sem iluminação. (Foto: João Garrigó)

“Esses últimos dias por causa desse escuro eu torci o pé. Isso prejudica pode dar uma lesão ou até trazer algo pior”, fala.

O breu não fica restrito à Secretaria de Obras, está próximo também à Assembleia Legislativa, Tribunal Regional Eleitoral, Governadoria e nas duas rotatórias, de acesso à Polícia Militar e na saída para Três Lagoas.

E por conta da escuridão é que a comerciante Marisa Lopes, de 32 anos, não corre sozinha. A companhia virou acessório de corrida e medida de precaução. “Tem ficado escuro aqui e lá, as luzes todas apagadas e com as calçadas quebradas, correr por aqui só com eles”, aponta para o irmão e o sobrinho.

Nem o flash da câmera do fotógrafo João Garrigó consegue mostrar que ali é um ciclista pedalando em meio ao breu.Nem o flash da câmera do fotógrafo João Garrigó consegue mostrar que ali é um ciclista pedalando em meio ao breu.

Na entrada da avenida Mato Grosso a auxiliar de administração Irene Bastiani, de 50 anos, já se preparava para ir embora. A corrida começa e termina ali, ponto que ainda tem iluminação e é a melhor opção para deixar o carro.

“Eu venho de lá correndo, olho para trás e vejo que não tem ninguém, mas escuro assim aí que você corre a toda”, exemplifica. Do pedaço já citado na reportagem, próximo a Secretaria de Obras ela afirma que a escuro já dura quatro dias.

A escuridão não incomoda só quem corre ou caminha, mas os ciclistas de longe observam “falta da luz”, “coloca isso aí na reportagem, olha esse breo”, “e essa escuridão?”, gritam um grupo de ciclistas que subia o Parque.

Para pedalar ali é mais do que obrigatório ter luz na bicicleta, se tornou identificação em meio ao breu.



Há mais de 30 dias estamos correndo na escuridão total em alguns trechos.. e pra piorar muitos defeitos nas calçadas... a solução era caminhar lentamente na calçada esburacada escura com risco de acidente e assalto ou correr na rua escura com o grande risco de ser atropelada!!!.
Hoje, depois desta matéria, a luz voltou!!!
 
Cristina Souza em 11/11/2011 12:50:16
Faz mais de trinta dias esta escuridão, OUTRA COISA IMPORTANTE e fecharem uma pista de cada lado para ciclista, corredores e praticantes de caminhada, dias de semana após as 18:00hs até as 22:00hs, e final de semana.
É muita gente praticando esporte, será que estão esperando uma desgraça acontecer.
VAMOS FAZER UMA COLETA DE ASSINATURA;

sds,
 
Rogério Oliveira em 09/11/2011 12:56:53
Sempre ando de bicicleta no parque dos poderes durante o dia nos finais de semana, gostaria muito de poder andar anoite acho bem mais agradável, seria muito bom se tivesse iluminação !
 
Rogerio Moralles em 09/11/2011 12:30:25
Pertenço a um grupo de corrida que corre no período noturno no parque dos Poderes. É uma vergonha que um dos cartões postais da nossa capital esteja com a iluminação em estado tão precário. Além de ser perigoso, mostra o total desleixo dos responsáveis pelo bem público. Vergonha!!!
 
FÁBIO TURQUE em 09/11/2011 12:23:13
Gostaria de dar primeiro os parabéns a esta matéria... Quanto a Iluminação do nosso parque é uma vergonha, pois fazemos diariamente caminhadas no escuro.... e mais um agravante com relação ao parque, caminhões de da firma ALS ...passam carregadas de entulho ou arenito em uma velocidade bem acima da permitida no local, colocando juntamente com a escuridão cada vez mais nossas vidas em risco.
 
Ruberval Andrade em 09/11/2011 11:16:39
Vão caminhar e correr nos parques da cidade, não tem parque suficiente??? pra que ficar andando na rua e atrapalhando o trânsito, isso quando não tem competição e fecham as ruas, moro no pq dos poderes tenho que ficar desviando, aqui em Campo Grande a mania e fazer as atividades nas vias, e tudo desorganizado, fecham os dois lados das avenidas sendo que só um era suficiente.
 
Lucas Figueiredo em 09/11/2011 11:13:01
Luz para os atletas. Luz para a saúde. Luz para vida.
 
Luiza Ribeiro Gonçalves em 09/11/2011 09:45:50
Já faz mais de 30 dias que esta assim!! nas eleições do próximo vamos escurecer os votos nos políticos que podem fazer alguma coisa pra acabar com isso e não fazem nada!!
 
silas alves da silva em 09/11/2011 09:38:25
Para quem tem aprovação de mais 60 por cento da população, o povo merece. Um dia acordarão
 
luiz alves pereira em 08/11/2011 11:05:09
Isso aí, sou ciclista e estou quase todos os dias treinando no parque juntamente com dezenas de outros atletas e precisamos da iluminação pois estamos sujeitos à assaltos e acidentes. Parabéns pela matéria, só nos resta agora é esperar ... do poder publico que nos ajude tendo em vista que ninguém esta ali roubando, matando, traficando ou enchendo a cara e sim cuidando da saúde.
 
william garcia de sousa em 08/11/2011 10:38:39
Por que o Poder Público e órgãos responsáveis ainda não tomaram medidas para resolver o problema da escuridão? Falta de tempo não foi, pois isso está ocorrendo há dias.
 
Sandro Pessoa em 08/11/2011 10:16:40
alem da iluminacao falta policiamento.nao tenho coragem de andar sozinha ou so com amigas...mto deserto
 
renata lopes em 08/11/2011 10:08:07
Falta de iluminação traz insegurança para atletas do Parque dos Poderes
A falta de iluminação tem trazido insegurança para os esportistas que fazem caminhadas, corridas ou ciclismo durante a noite no Parque dos Poderes, e...
Mulher tem bolsa roubada após acidente no Parque dos Poderes
Segundo a vítima, no momento do acidente foi roubada sua bolsa com uma quantia de R$ 700Um casal ficou ferido em um acidente ocorrido na noite de on...
Mulher é espancada a golpes de pauladas e pedra no Parque dos Poderes
Vítima sofre ferimentos na cabeça e nos braçosUma mulher de 32 anos foi espancada a golpes de pedra e pauladas na tarde de ontem no bairro Parque do...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions