A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/08/2013 11:39

Ministro afirma que está esperançoso em acordo entre índios e produtores

Francisco Júnior e Aline dos Santos
Ministro está esperançoso com acordo. (Foto: Cleber Gellio)Ministro está esperançoso com acordo. (Foto: Cleber Gellio)

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse que ainda não tem prazo e nem o valor a ser pago pelas propriedades que foram consideradas indígenas. Ele participa nesta manhã (13) de uma reunião em Campo Grande que vai definir os parâmetros do acordo entre os produtores e os índios.

Sem revelar detalhes, o ministro afirmou que está bastante esperançoso com o resultado da reunião de hoje. Segundo ele, o que for acordado vai servir de referência para o restante do País. “O Rio Grande do Sul pode usar a mesma solução”. Participam da reunião membros da AGU (Advocacia Geral da União) e Procuradoria Geral do Estado.

Conforme Cardozo, hoje será debatido a questão jurídica do acordo com objetivo de uma encontrar uma solução. Ele explicou que o pagamento do valor das propriedades será feito ao governo do Estado que será o responsável pelo repasse da quantia aos produtores. “Essa foi a solução mais equilibrada encontrada para resolver o aspecto jurídico. A ideia é fazer um acordo com o governo que não onere o Estado de Mato Grosso do Sul”.

O governador André Puccinelli (PMDB) afirmou que o Governo do Estado não dispõe de recursos para pagar os TDAs (Títulos da Dívida Agrária) aos produtores rurais. Essa proposta era defendida pelos produtores , que aceitariam o acordo, desde que o governo estadual aceitasse trocar os TDAs por dinheiro.

Sem citar prazo e valor, o ministro revelou que a primeira indenização será para o proprietário da fazenda Buriti, que fica em Sidrolândia, já que as negociações estão mais avançadas.

Após finalizar o acordo com a Buriti, a próxima área a ser negociada será onde estão indígenas da etnia Guarani. Cardozo não revelou em que região e nem o nome da propriedade.

Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions