A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

01/05/2011 09:54

Missa em homenagem ao Papa João Paulo II atrai 2 mil pessoal na Capital

Ítalo Milhomem e Paula Vitorino
Fiéis participaram da missa em ação de graças a João Paulo. Fiéis participaram da missa em ação de graças a João Paulo.

Cerca de duas mil pessoas participaram na manhã deste domingo (1º) da missa em ação de graças a beatificação do Papa João Paulo II, celebrada pelo arcebispo de Campo Grande, Dom Vitório Pavanello. A celebração aconteceu na Praça do Papa, mesmo local onde ele realizou a missa quando visitou a Capital, no ano de 1991.

Também neste domingo, durante a madrugada, a Igreja Católica realizou a beatificação oficial de João Paulo II, na Basília de São Pedro, no Vaticano.

Durante a celebração em Campo Grande, os fiéis colocaram uma cruz, com sacos de areia embaixo, para simbolizar o início da construção de uma capela e de um museu em homenagem ao Papa. Na semana passada o Campo Grande News noticiou o pedido que a arquidiocese encaminhou a Prefeitura Municipal.

Um dos organizadores da celebração, Ari Fialho, que é integrante da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, disse que ideia é construir uma capela pequena, para acolher as orações da população.

Antes do início da celebração o prefeito Nelsinho Trad Filho(PMDB) afirmou que já está recebeu o pedido para as obras, mas que o projeto ainda será analisado e orçado para aprovação.

O prefeito ainda afirmou que o local já é especial para cidade e que com a nova capela, o memorial do Papa será um ponto ecumênico de fé na Capital, que reunirá todos cristãos de Campo Grande para que eles façam suas orações e preces.

"Será uma capela ecumenica, assim como João Paulo II pregava o ecumenisco entre os cristãos", disse.

Missa foi celebrada pelo arcebispo Dom Vitório. (Foto: Simão Nogueira)Missa foi celebrada pelo arcebispo Dom Vitório. (Foto: Simão Nogueira)

Devoção - Durante o mês de abril, várias comunidades Católicas da Capital fizeram correntes de orações para abençoar a beatificação de João Paulo II, que foi oficializada neste domingo.

O sargento da Aeronáutica, Mário Baptista, de 49 anos, participou da celebração junto com a família e lembra, com muito orgulho, de quando participou da guarda que escoltou o Papa na visita à Campo Grande.

“Lembro que o rosto do padre transparecia a santidade, um carisma muito grande. Nós temos uma imagem de Nossa Senhora Loretto, protetora dos aviadores, que foi abençoada por ele, guardamos com muita devoção na Base”, contou o Sargento.

Já para a funcionária pública, Nyce Cafure, de 42 anos, que participou da missa ao lado da sobrinha de 6 anos, a construção de uma capela no Memorial do Papa irá contribuir para o fortalecimento da fé dos campo-grandenses.

“Vai ser muito bom, porque a população poderá fazer suas orações também aqui. A Praça é tida apenas como um espaço turístico, onde não podemos nem acender velas, mas com a capela o espaço passará a ser dedicado as orações”, argumenta a funcionária pública.

A dona de casa, Elizabeth Martinho, de 49 anos, que levou toda a família para missa, acredita que a nova capela refletirá as mensagens de João Paulo II, que sempre orou pela união dos povos em todo mundo.

“Ele era o Papa do povo, acolhia a todos os povos, mesmo os nãos cristãos. Esse era o maior carisma dele, o de acolhimento”, lembrou a dona de casa.



Sou morador do Lar do Trabalhador, e vejo que precisamos de uma praça de esportes, pois é o unico lugar que temos na região para praticar esporte, precisamos de quadra coberta, parque para as crianças, volei de areia, etc. Capela tem uma a uns 50 metros da praça que vive vazia, não havendo necessidade de outra, alem do mais cheiro de vela queimada ja basta no cemiterio, pois pra quem mora perto é um incomodo terrivel.
Sr. Prefeito pedimos mais Saúde!!
 
Roger Brites em 02/05/2011 12:11:26
Antes que comecem a criticar, vejo a construção desse templo como uma oportunidade incomum da cidade ter um monumento de celebração de fé. Não vejo problema a prefeitura doar o terreno para os católicos, ainda mais quando muitos outros foram doados à outras organizações religiosas. É uma questão de manter a equidade neste sentido e a cidade só tem a ganhar.
 
Deodato Fernandes em 02/05/2011 09:31:25
louvado seja DEUS por esta beatificação, nossa igreja precisa neste momento levantar esta bandeira que foi JOÃO DE DEUS, e caminhar em seus caminhos . Porque o caminho dele com certeza foi a santidade.
 
ari ferreira de souza em 01/05/2011 11:22:11
COM CERTEZA CONCORDO COM O PREFEITO UMA CAPELA, NAQUELE LOCAL VAI ESTIMULAR MAIS AS PESSOAS A REZAR E É UM LUGAR SANTO QUE DEUS ABENÇOE A TODAS AS PESSOAS QUE VÃO TRABALHAR PARA QUE ESTA OBRA ACONTEÇA .
 
SANDRA DA SILVA em 01/05/2011 07:30:06
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions