A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

23/04/2014 18:57

Morador diz que asfalto é luxo e pede segurança no Bosque das Araras

Filipe Prado
Mesmo sem asfalto, moradores pediram segurança para o residencial (Foto: Pedro Peralta)Mesmo sem asfalto, moradores pediram segurança para o residencial (Foto: Pedro Peralta)

Com assaltos frequentes, moradores do Residencial Bosque das Araras, criado há três anos, admitem que não quererem pavimentação asfáltica no bairro, enquanto não houver segurança na região. Eles criticam a situação e dizem que um morador já foi assaltado três vezes no mesmo dia.

“Asfalto aqui é luxo”, comentou a dona de casa Karla Leandro Calado, 23 anos. Ela mora há quase dois anos no residencial e já foi assaltada três vezes, então precisou sair do emprego para poder cuidar da casa. “Aqui está crítico, as pessoas não estão deixando nem material de construção para fora das residências”, completou.

Como é um bairro novo, o Bosque das Araras possui poucos moradores, o que aumenta a insegurança de quem já possui casa na região. “Não saio de casa. Sempre alguém tem que ficar aqui, por que já estouraram a porta aqui de casa para roubar”, disse a dona de casa Laura Duailibi Franco, 20.

Karla contou que os assaltantes sempre roubam as casas ao meio-dia. Ela garantiu que um vizinho dela já foi assaltado três vezes no mesmo dia. “Eu lembro que era domingo quando ele foi assaltado as três vezes”.

Laura afirmou que não sai mais de casa, para poder cuidar da casa (Foto: Pedro Peralta)Laura afirmou que não sai mais de casa, para poder cuidar da casa (Foto: Pedro Peralta)
Os moradores disseram que a grande quantidade de lixo está trazendo ratos e escorpiões para as casas (Foto: Pedro Peralta)Os moradores disseram que a grande quantidade de lixo está trazendo ratos e escorpiões para as casas (Foto: Pedro Peralta)

Estrutura - Além da insegurança, os moradores reclamaram da falta de estrutura do bairro. “Falta muita coisa, esgoto, a limpeza nos terrenos da região. Está ruim, falta alguém olhar para nós”, cobrou o pedreiro Luiz de Arruda Cipriano, 64.

A grande quantidade de lixo nas ruas também causou a revolta dos moradores. “É tanto lixo que está atraindo ratazanas para o bairro, além das doenças”, comentou Laura. “Eu tenho medo por causa dos escorpiões, pois tenho um filho pequeno”, complementou Karla.

“Caminhões, carro passam aqui todos os dias para jogar lixo, de tudo quanto é tipo”, realçou Laura, sobre os veículos que vêm de outros bairros para jogar lixo no local.

“Nós pedimos também o cascalho, por que sabemos que o asfalto vai demorar mesmo. Quando chove aqui fica intransitável”, finalizou Cirpriano.

Homem foge de briga, se envolve em acidente e acaba agredido por moradores
Flávio Guimarães Fernandes, 39 anos, foi confundido com ladrão e agredido por moradores após se envolver em acidente. O caso aconteceu na madrugada d...
Sesau e SES recolhem quase 10 toneladas de lixo no Jardim Noroeste
A ação de recolhimento de lixo realizada em casas e terrenos baldios no Jardim Noroeste - bairro localizado na regiões leste de Campo Grande - somou ...
Apae recebe doação de brinquedos da campanha Compartilhe o Natal
Foi iniciado nesta segunda-feira (11) a entrega de brinquedos arrecadados na campanha "Compartilhe o Natal", realizado pelo Ministério Público Estadu...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions