ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  26    CAMPO GRANDE 32º

Capital

Morador recusa encerrar festa, vai para delegacia e 2 comércios são fechados

Por Liniker Ribeiro | 09/08/2020 10:49
Equipes de fiscalização durante abordagens após horário do toque de recolher, na Capital (Foto: Divulgação/GCM)
Equipes de fiscalização durante abordagens após horário do toque de recolher, na Capital (Foto: Divulgação/GCM)

Duas pessoas foram conduzidas à delegacia, na última noite, por desrespeitarem as orientações da prefeitura de Campo Grande quanto à aglomeração. As prisões aconteceram durante o horário estipulado para o toque de recolher na cidade, ou seja, após às 21h. Também devido ao não cumprimento de medidas, dois estabelecimentos comerciais foram fechados.

Em um dos casos, o morador se recusou a encerrar festa realizada em residência na Rua Carlos Hidalgo Emmanuelli, na Vila Nasser.

Segundo boletim de ocorrência, no local, várias pessoas se aglomeravam e faziam uso de bebidas alcoólicas, além de narguilé. Ambas as atitudes vão contra decreto da prefeitura, que estabelece medidas de segurança em prevenção ao novo coronavírus.

De acordo com o registro, o homem, que se apresentou como dono da casa, afirmou que não iria acabar com a festa, mesmo após orientação da equipe de fiscalização. Mediante a desobediência, foi dada voz de prisão a ele, que resistiu.

Devido à atitude do mesmo, equipe da Guarda Civil Metropolitana precisou efetuar dois disparos de bala de borracha, tendo um atingido o morador em uma das pernas. Com isso, o homem foi contido e algemado.

Ainda segundo boletim de ocorrência, os participantes da festa estavam com os ânimos alterados. A proprietária da residência se apresentou em seguida e concordou em finalizar a festa. O homem foi levado à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Coronel Antonino para atendimento médico.

Outros números – De acordo com balanço, as fiscalizações das equipes da Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e Semadur, de ontem para hoje, também vistoriou 99 estabelecimentos comerciais. Destes, dois foram autuados e outros dois interditados.

Ao todo, 302 pessoas foram abordas pelas ruas da cidade e orientadas a retornar para casa ou permanecer dentro de suas residências.

Regras de comentário