A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

29/08/2019 10:51

Morto em confronto com o Choque no Indubrasil tinha apenas 15 anos

Ele estava sem documentação e só hoje, por volta das 9 horas, o pai reconheceu o corpo do filho no Imol

Viviane Oliveira
Caminhão roubado durante golpe do falso frete. (Foto: Divulgação)Caminhão roubado durante golpe do falso frete. (Foto: Divulgação)

A polícia identificou como adolescente de apenas 15 anos, o suspeito morto em confronto com policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar, na noite de ontem (29). O garoto foi baleado em região de mata, às margens da BR-262, quando tentava fugir após tentativa de roubo de caminhão em Campo Grande.

Depois de ser alvejado, ele chegou a ser socorrido pela equipe policial para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Santa Mônica, mas não resistiu. Ele estava sem documentação e só hoje, por volta das 9 horas, o pai reconheceu o corpo do filho no Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal). 

Segundo o tenente-coronel, Marcus Vinícius Pollet, o adolescente era o responsável pelo cativeiro da vítima e foi baleado porque disparou quatro tiros contra os policiais. Com o suspeito, conforme a polícia, foi encontrado revólver calibre 38 com quatro munições deflagradas e uma intacta. Dois comparsas dele não foram localizados.

À polícia, a vítima, caminhoneiro de 43 anos, relatou que foi acionado para fazer um frete e deveria ir de Campo Grande a Ladário buscar estrutura metálica. Porém, durante o trajeto, por volta das 16h de ontem, foi rendido e levado para cativeiro em área de mata no Indubrasil.

Ele confirmou que era vigiado por um homem. Até que em determinado momento conseguiu se soltar fugir para a rodovia, onde pediu socorro.

A Polícia Militar foi acionada e durante buscas conseguiu encontrar o caminhão estacionado na BR-262. Dentro do veículo não havia ninguém. As equipes, então, entraram na mata e acabaram trocando tiros com o adolescente.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions