A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

30/08/2017 13:26

Motociclista teme perder visão de um olho após ser atingido por ovo na rua

Ovos teriam sido atirados por ocupantes de carro preto, que já teriam feito mais vítimas na Capital

Mirian Machado
Tafarel foi atingido no olho e está com uma lesão grave (Direto das Ruas)Tafarel foi atingido no olho e está com uma lesão grave (Direto das Ruas)

Quem imagina que ser atingido por um simples ovo pode se transformar em um problema de saúde preocupante? Aconteceu com Tafarel da Silva Cunha, de 30 anos, que ficou ferido após levar uma 'ovada' no rosto, na noite de terça-feira (29), na Rua Brigadeiro Tobias na Vila Jacy em Campo Grande.  A vítima seguia para a faculdade com a mulher, de 32 anos, em uma motocicleta, quando o ocupante um veículo VW Golf preto atirou ovos em sua direção,  

Tafarel teve uma lesão grave no olho esquerdo. “A princípio ele achou que era uma pedra que tinha escapado da roda do carro, mas depois começou a sangrar e viu que ele e a minha cunhada estavam sujos de ovos”, disse a irmã da vítima, Marilza da Silva Cunha, de 32 anos.

Essa “brincadeira de mal gosto”, segundo Marilza, pode fazer com que Tafarel perca a visão. “Fomos para a Santa Casa e lá ele já fez vários exames. Ele está com uma lesão grave na córnea, com derrame no globo ocular”, afirmou.

A vítima teve alta nesta quarta-feira (30) pela manhã porque ainda será preciso fazer outros dois exames que o SUS (Sistema Único de Saúde) não cobre. Esses exames são para ver a gravidade para saber se será preciso passar por cirurgia. A princípio, segundo a irmã,  Tafarel não consegue enxergar.

A esposa de Tafarel também foi atingida, mas não se machucou. Agora a família irá registrar um boletim de ocorrência e tenta identificar os responsáveis por isso com ajuda de imagens de câmeras de segurança próximas ao local.

O caso foi relatado em uma rede social, ganhou repercussão outras vítimas e testemunhas apareceram. Uma delas é uma moça que comenta que está grávida e que a gestação é de alto risco. Ela disse que chegou a passar mal com o ocorrido e teve sangramento.

“Ele fez isso comigo e com minha mãe. Eu podia perder meu bebê. Ele está na região da Jacy. Quem viu e identificou a placa por favor nos avise, pois machucou de verdade”, relata a mulher no comentário feito pela internet.

Justiça isenta dívidas eleitorais para aumentar adesão de cadastro biométrico
A Justiça Eleitoral determinou que os eleitores em dívida estão isentos do pagamento das multas eleitorais no período de 18 de setembro de 2017 até 1...
Crescem o número de casos de crianças com sífilis em Campo Grande
Os casos de crianças com menos de 1 ano contaminadas com sífilis congênita, doença sexualmente transmissível, aumentaram em 2016. É o que afirma a Se...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions